Ross Brawn critica novo regulamento da F1

Ross Brawn critica novo regulamento da F1

ross_brawn-300x199
 
Ross Brawn, ex-chefão  Petronas Mercedes-Benz GP, não está contente com o novo regulamento da F1. Ele criticou severamente a futura idéia de dois pits-stops obrigatórios em cada uma das provas do Mundial de 2014 da F1.
Esta medida, que será tratada durante a reunião do Conselho de Estratégia da FIA, limita a estratégia das corridas já que todas as equipes serão obrigadas a fazer sempre duas paradas nos boxes com a finalidade e tentativa de aumentar a disputa em pista. Por exemplo, um piloto não poderá fazer mais da metade da corrida com o composto de pneu mais duro e os mais macios não poderão ser usados em mais de 30% de cada prova.
“Não tem cabimento que  o número mínimo  de paradas nos boxes seja aprovado. Neste momento é necessário uma para usar ambos os compostos indicados. Estabelecer um número de passagens talvez funcione, mas sinceramente não sou grande fã da tal medida a ser adotada, criticou Brawn. A medida, que tem o apoio da Pirelli – a fornecedora oficial de pneus F1 , e terá que de ser aprovada por todas as equipes equipes. Este é o famoso caso de quem tem o poder e faz o que pode!

Sem Comentários

Insira um Comentário