Dakar: os números impressionantes do maior Rally do Mundo

Dakar: os números impressionantes do maior Rally do Mundo

b68e6a6247fe474a9101fe714e61265d
Às vésperas da largada da – começa amanhã dia 5 de janeiro –  edição de 2014, em Rosário, na Argentina, os números mostram porque o Dakar é o principal Rally do Planeta. Confira os impressionantes números:
– 2 etapas maratona (motos e quadriciclos) sem assistência e totalmente independentes (2.702 km, incluindo 1.590 km de especiais).
– 4 é o número de títulos a serem disputados no Dakar, nas categorias de motos, quadriciclos, carros e caminhões.
– 9 é o número de mulheres inscritas no Dakar nas categorias de carros, motos e quadriciclos.
– 11 é o recorde de vitórias no rali, de Stéphane Peterhansel, com 6 títulos com motocicleta e 5  com carro. Vladimir Chagin detém o recorde em número de vitórias em uma única categoria, com 7 triunfos com um caminhão.
– 18 anos e 23 dias tem o piloto mais novo na largada em Rosário: o Argentino Jeremías González Ferioli, participante da categoria de quadriciclos.
– 28 é o número de países visitados pelo Dakar desde sua criação. A Bolívia receberá o rali pela primeira vez, sediando duas etapas.
– 30 é o número de médicos presentes no hospital dos acampamentos atendimento dos pilotos e equipes.
– 41 é o número de pilotos de quadriciclos inscritos para o rali em 2014, um recorde.
– 50 é número de nacionalidades representadas no rali.
– 60 é o número de áreas de segurança para os espectadores.
– 71 é o número de caminhões participando no rali.
– 72 anos é a idade do competidor mais velho: o japonês Yoshimasa Sugawara, a categoria caminhões.
– 89 é o número de competidores que participam do Dakar pela primeira vez, 20,27% do total.
– 124 é o número de competidores franceses envolvidos na corrida, a principal nacionalidade, com 17,29% do total.
– 152 é o número de carros participando do rali.
– 190 é o número de países nos quais as imagens do Dakar serão transmitidas, por 70 canais de televisão.
– 210 é o número de veículos de organização utilizados diariamente no rali (40 carros, 11 helicópteros, 55 caminhões, 5 ônibus, etc).
– 280 é o número de jornalistas que acompanharão todo o rali, de um total de 1.800 credenciais para mídia ao todo, incluindo equipes técnicas, imprensa local, etc.
– 450 é a potência máxima em cilindradas autorizada para os motores das motos inscritas no rali.
– 720 é o número de competidores participando como pilotos, co-pilotos e mecânicos.
– 1.200 é o número total de horas estimadas de imagens transmitidas do Dakar nos canais de televisão do mundo (tendo como base os números de 2013).
– 1978, em 26 de dezembro, aconteceu a largada da 1a edição (de 1979).
– 2.300 é o número de mensagens de segurança transmitidas em 40 estações de rádio na Argentina, Chile e Bolívia.
– 3.000 é o número de pessoas recebidas todos os dias no acampamento: competidores, organizadores, patrocinadores e pessoal de mídia.
– 8.739 é o número de quilômetros a serem percorridos entre Rosário e Santiago, com 5.220 quilômetros de especiais para os carros.
– 9.209 é o número de quilômetros a serem percorridos entre Rosário e Santiago, com 5.212 quilômetros de especiais para os caminhões.
– 9.395 é o número de quilômetros a serem percorridos entre Rosário e Santiago, com 5.222 quilômetros de especiais para as motos.
– 22.000 é o número de pessoas mobilizadas para a segurança dos espectadores e competidores.
– 80.000 é o número de refeições servidas no acampamento durante o rali.
– 100.000 é o número de seguidores na conta oficial do Dakar no Twitter.
– 820.000 é o número de fãs na página oficial do Dakar no Facebook, vários dias ante do início da corrida.
– 7,8 milhões é o número de visitas únicas no website www.dakar.com.
– 4,6 milhões é o número de espectadores contados na largada, chegada e passagem do Dakar em 2013, na Argentina, Chile e Peru.
– 1 bilhão é o número de telespectadores que assistiram às imagens do Dakar em 2013.
 

Sem Comentários

Insira um Comentário