ABEIVA: números positivos apontam crescimento 11,7% em dezembro de 2013

ABEIVA: números positivos apontam crescimento 11,7% em dezembro de 2013

130221_abeiva
As 30 marcas de veículos e de comerciais leves associadas da ABEIVA (Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores) registraram crescimento de 11,7% nos emplacamentos no último mês de dezembro, em comparação a novembro de 2013, e crescimento de 4,4% no comparativo com o mês de dezembro de 2012.
Em dezembro de 2013, as associadas da entidade emplacaram 9.850 veículos e comerciais leves, 1.031 unidades a mais do que em novembro. “O aumento foi pequeno, principalmente considerando que em dezembro tivemos dois dias úteis a mais do que em novembro e uma série de promoções e de incentivos de vendas”, informa Flavio Padovan, presidente da entidade.
 
No acumulado do ano, os emplacamentos das importadoras seguem a mesma tendência registrada ao longo dos meses anteriores, resultando queda de 13,7% no comparativo com o ano de 2012. No entanto, na comparação com o mês de dezembro de 2012, houve crescimento de 4,4% nos emplacamentos. Entre janeiro e dezembro de 2013, as empresas associadas da ABEIVA emplacaram 112.897 veículos e comerciais leves.
“Em 2013, nossas associadas emplacaram 17.902 veículos e comerciais leves a menos do que em 2012. Esse resultado foi esperado, uma vez que em 2012 tivemos volumes maiores nos três primeiros meses devido às vendas dos veículos importados sem a incidência do aumento dos 30 pontos percentuais no IPI”, reforça o presidente da ABEIVA.

55310

Flavio Padovan, presidente da ABEIVA


As associadas da ABEIVA importam veículos e comerciais leves de diversos países, oferecendo múltiplas opções de estilo, de perfil e de preços. “A variedade de escolhas demonstra o compromisso das associadas da ABEIVA em proporcionar ao consumidor brasileiro muitos produtos, seja no segmento de luxo seja no de esportivos e também em termos de veículos compactos. É importante ressaltar que os veículos comercializados pelas empresas associadas da ABEIVA possuem conteúdo tecnológico avançado e já chegam ao Brasil equipados com itens de segurança, a exemplo de ABS e Air Bag, que apenas agora passaram a ser obrigatórios nos veículos produzidos no país”, finaliza Flavio Padovan.
Da Europa, vieram 37.418 unidades, crescimento de 36,8% em comparação ao ano de 2012. Dos países asiáticos foram importadas 60.429 unidades, queda de 34,5% no comparativo com o ano anterior, e da América Latina chegaram 10.485 veículos e comerciais leves, aumento de 49,3% em comparação a 2012. A América do Norte contribuiu com 4.519 unidades, o que representa aumento de 7,8% sobre o volume de 2012.

Sem Comentários

Insira um Comentário