Caminhão Kamaz leva a melhor na quinta etapa do Rali Dakar

Caminhão Kamaz leva a melhor na quinta etapa do Rali Dakar

Dakar
O russo Dmitry Sotnikov, da equipe Kamaz Master, fez o trecho entre Chilecito e Tucumán em 04h47min46s.
O russo Dmitry Sotnikov foi o melhor piloto da quinta etapa do Rali Dakar, realizada ontem (09/01) entre as cidades argentinas de Chilecito e Tucumán. Com o tempo de 04h47min46s, ele superou o forte calor que caiu durante todo o deslocamento de 154 quilômetros e nos 527 quilômetros de trecho especial. Apesar da vitória russa, a ordem da classificação geral não se alterou, com o holandês Gerard de Rooy, da equipe Petronas De Rooy, mantendo-se no primeiro lugar.
Ontem a temperatura chegou aos 43º, e as equipes tiveram que prevenir situações de sobreaquecimento de motor. O atual líder, Gerard de Rooy chegou em terceiro lugar, após fazer a especial em 04h59min53s. Com este resultado, ele mantém um tempo total de 21h17min26s, estando 32 minutos à frente do segundo colocado.
“Foi uma etapa dura, principalmente nas dunas. A areia nos deu algumas dores de cabeça, e o terreno acabou fazendo com que a calibragem dos pneus ficasse muita prejudicada. A temperatura estava muito alta: 43° C. E apesar de tudo isso, nós não perdemos tanto tempo ao fazer os ajustes necessários. Estamos muito satisfeitos”, comentou De Rooy ao final da etapa.
A sexta etapa será disputada hoje, sexta-feira (10/01), entre as cidades de Tucumán e Salta. Serão 242 quilômetros de deslocamento e 156 quilômetros de especial. Os veículos passarão pela Ruta 40, rodovia platina que corre paralela à Cordilheira dos Andes. Os pilotos terão que ficar atentos à grande quantidade de animais que habitam o trecho e que podem cruzar seus caminhos.
Crédito da foto: DPPI/Dakar
MAN faz recall para três linhas de caminhões VW
Malagrine
Um risco de incêndio envolve os modelos Delivery, Constellation e chassis para micro-ônibus.
Um possível vazamento de combustível no compartimento do motor que pode gerar incêndio e danos físicos levou a MAN Latin America a convocar para um recall os proprietários de caminhões Volkswagen Delivery, Constellation e chassis para micro-ônibus, todos com anos-modelo entre 2011 e 2013. O atendimento já ocorre na rede MAN Latin America para verificação e substituição dos tubos de combustível.
De acordo com a MAN, os proprietários dos veículos envolvidos na ação serão avisados por carta. Outros meios dos donos se informarem sobre a situação é: entrar em contato direto com as concessionárias (há uma lista no site www.man-la.com/concessionarias), ou ligar para o serviço Chamevolks pelo telefone 0800 019 3333.
Conheça os veículos chamados para recall
Modelo: Delivery 5.150, 8.160 e 9.160
Ano/Modelo: 2011, 2012 e 2013
Modelo: Constellation 17.280, 24.280, 26.280 e 31.280
Ano/Modelo: 2011, 2012 e 2013
Chassis de Microônibus: 5.150, 8.160 e 9.160
Ano/Modelo: 2011, 2012 e 2013
Intervalo dos chassis: de 9531M52P7R138239 a 9531M52P3DR350848

Mauro Cassane/MM Editorial

Sem Comentários

Insira um Comentário