Shacman fará testes no Brasil com transmissão automatizada

Shacman fará testes no Brasil com transmissão automatizada

TT_385_6x2
A nova opção de câmbio será aplicada em um cavalo mecânico TT 440 6×4 com motor de 440 cavalos
O Departamento de Engenharia da Metro-Shacman dará início neste mês ao programa de desenvolvimento e nacionalização do caminhão Shacman equipado com transmissão automatizada. O objetivo é ampliar as opções da linha de produtos da empresa aos transportadores brasileiros. O veículo de testes será o cavalo mecânico Shacman TT 440 6×4, com motor de 440 cavalos, igual ao modelo apresentado na última Fenatran, no mês de outubro de 2013.
Marcos Gonzalez, diretor de Desenvolvimento da Metro-Shacman, informou que o primeiro veículo será equipado com transmissão automatizada Eaton, de 18 velocidades, também apresentada na Fenatran no display dinâmico montado com todos os principais componentes do primeiro protótipo do caminhão Shacman nacionalizado.
De acordo com a Shacman, os testes serão feitos em todas as regiões brasileiras, mas especialmente nas estradas do Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, consideradas as de maior movimentação e com diferentes características de construção, topografia, piso e pavimentação. O veículo também será avaliado com diversas opções de implementos e cargas.
Marcos Gonzalez esclareceu que além do desenvolvimento da transmissão automatizada, a avaliação envolverá aspectos como durabilidade, desempenho, sistemas de arrefecimento, combustível, freios, suspensão e filtros, entre outros testes estabelecidos pela legislação brasileira.

 Jaidson Zini estreia em 2014 na Fórmula Truck pela Dakar Motorsport

mc2
Paranaense de 35 anos cumprirá sua primeira temporada na categoria pilotando um caminhão Iveco
A temporada de 2014 dos campeonatos Sul-Americano e Brasileiro de Fórmula Truck tem sua primeira estreia confirmada: Jaidson Zini, paranaense de 35 anos, estará pela primeira vez no grid da categoria. Ele será o piloto do Iveco número 25 da equipe Dakar Motorsport – a mesma pela qual fez seu primeiro teste com um caminhão da categoria, em dezembro na pista de Londrina (PR).
“Correr na Fórmula Truck era um antigo sonho meu. Agora apareceu a oportunidade e não pensei duas vezes”, comenta Zini, piloto nascido na cidade de Cascavel e que atualmente reside em Arapongas. A Dakar Motorsport tem sua sede em Maringá, cidade vizinha a Arapongas, ambas no Estado do Paraná. “O fato da equipe estar aqui pertinho contribuiu muito para que tudo desse certo desde o primeiro contato com o chefe de equipe”, conta o estreante.
A Dakar Motorsport é chefiada por Carlos Alberto Assis, conhecido nos bastidores da Fórmula Truck como “Paraguai”. Em 2013, a equipe contou com o italiano Alex Caffi, que teve como melhor resultado o terceiro lugar na etapa de Interlagos, depois de largar em 16º. “A opção pela Truck é antiga. Conversei com o Paraguai, fiz o teste em Londrina e, depois do teste, tive ainda mais certeza de que era isso que queria”, revela Zini.
Zini teve seu primeiro contato com as pistas de competição em 2005, em campeonatos de kart no Paraná. No mesmo ano passou a disputar categorias regionais de Turismo. De 2007 a 2009, atuou no Brasileiro de Marcas & Pilotos, para carros com motores 1.6. Depois de ter experimentado também protótipos de Endurance, ele participou em 2013 da Copa Petrobras de Marcas, com um Ford Focus da equipe Cesinha Competições.

Mauro Cassane/MM Editorial

Tags:
,
Sem Comentários

Insira um Comentário