Leandro Totti vence primeira etapa da Fórmula Truck 2014

Leandro Totti vence primeira etapa da Fórmula Truck 2014

Piloto da RM Competições lidera de ponta a ponta em Caruaru diante de mais de 40.000 torcedores.

mc

Leandro Totti comemora primeira vitória do ano.


O piloto Leandro Totti dominou a primeira etapa dos campeonatos Brasileiro e Sul-Americano de Fórmula Truck. O campeão de 2012 venceu de ponta a ponta, ontem (16/3), o GP Aurélio Batista Félix, primeira etapa das duas competições. A corrida que abriu a temporada nacional do automobilismo levou mais de 40.000 pessoas ao Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Caruaru (PE).
mc1

Disputa em Caruaru (PE) foi realizada sob um calor de 30º.


Mais rápido em todas as sessões de treinos livres e classificatórios do sábado (15/3), Totti foi pole-position e manteve o Volkswagen-MAN número 73 da RM Competições na liderança nas 29 voltas da etapa pernambucana. Após mais de uma hora de corrida, recebeu a bandeirada da vitória com mais de 13 segundos de vantagem sobre o paulista Roberval Andrade, piloto do Scania da Ticket Car Corinthians Motorsport, que terminou em segundo.
mc2

Bandeirada final em Caruaru.


A vitória deste domingo foi 11ª de Totti, número que o isola como sétimo maior vencedor da Fórmula Truck. Foi, também, o segundo triunfo em Caruaru – ele também ganhou a etapa em 2006, pilotando um caminhão Ford. A pole-position para a etapa de abertura da temporada de 2014 foi a sexta da carreira do paranaense, que nessa estatística também passa a ocupar o sétimo lugar, empatado com seu conterrâneo Osvaldo Drugovich Júnior.
Após 29 voltas válidas, o resultado final do GP Aurélio Batista Félix foi o seguinte:
1º) Leandro Totti (PR/Volkswagen-MAN), RM Competições, 1h01min22s152
2º) Roberval Andrade (SP/Scania), Ticket Car Corinthians Motorsport, a 13s089
3º) Geraldo Piquet (DF/Mercedes-Benz), ABF Santos, a 16s336
4º) Paulo Salustiano (SP/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 16s843
5º) Danilo Dirani (SP/Scania), Ticket Car Corinthians Motorsport, a 18s776
6º) Beto Monteiro (PE/Iveco), Scuderia Iveco, a 25s298
7º) Fabiano Brito (PR/Volvo), ABF/Volvo, a 29s269
8º) Marcello Cesquim (PR/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 37s182
9º) Valmir Benavides (SP/Iveco), Scuderia Iveco, a 39s115
10º) João Maistro (PR/Volvo), Copacol Clay Truck Racing, a 57s718
11º) Felipe Giaffone (SP/ MAN), RM Competições, a 59s411
12º) Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão, a 1min02s042
13º) Jaidson Zini (PR/Iveco), Dakarmotors, a 1min10s349
14º) Luiz Lopes (SP/Iveco), Lucar Motorsports, a 1min29s499
15º) Jansen Bueno (PR/Scania), Muffatão, a 1min34s033
16º) André Marques (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições, a 1min45s213
17º) Raijan Mascarello (MT/Ford), DF Racing Fans, a 1 volta
NÃO COMPLETARAM
Adalberto Jardim (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições, a 12 voltas
Wellington Cirino (PR/Mercedes-Benz), ABF Santos, a 14 voltas
Débora Rodrigues (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições, a 14 voltas
Diogo Pachenki (PR/Volvo), Copacol Clay Truck Racing, a 19 voltas
Djalma Fogaça (SP/Ford), DF Racing Fans, a 22 voltas
Ronaldo Kastropil (SP/Mercedes-Benz), ABF Desenvolvimento Team, a 26 voltas
David Muffato (PR/Ford), DF Racing Fans, a 27 voltas
DESCLASSIFICADO
Leandro Reis (GO/Ford), Original Reis Competições, fumaça
Melhor volta: Totti, na 2ª, 1min50s850, média de 103,274 km/h
CLASSIFICAÇÃO
Com a realização da primeira etapa, os campeonatos Brasileiro e Sul-Americano de Fórmula Truck têm a seguinte classificação:
1º) Totti, 32 pontos;
2º) Andrade, 23;
3º) Piquet, 18;
4º) Salustiano, 14;
5º) Dirani, 12;
6º) Monteiro, 10;
7º) Brito, 8;
8º) Cesquim, 7;
9º) Benavides, 6;
10º) Maistro, 5;
11º) Giaffone e Cirino, 4;
13º) Muffato, 3;
14º) Zini e Marques, 2;
16º) Lopes, 1.

 

Salvini Racing vence Rally Espírito Santo
O piloto Guido Salvini começou o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country com o pé direito.
mc3
A equipe Salvini Racing venceu ontem (16/3) o Rally Espírito Santo, que aconteceu neste final de semana na cidade de Linhares (ES), na região do Verde e das Águas. A disputa abriu a temporada 2014 do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country, valendo pelas primeira e segunda etapas.
Os 460 quilômetros de roteiro adentraram plantações de cana-de-açúcar, cacau e eucalipto, preservando obstáculos que destacaram o verdadeiro estilo cross country. “Os tipos de terrenos foram bem diversificados; encontramos areia, estradões com terra batida, erosões, cascalhos, trechos sinuosos (com todos os tipos de curvas) e setores de pura velocidade. Uma chuva passageira deixou o piso bem liso, e isso ofereceu um pouco de risco”, descreveu o piloto Guido Salvini, que conta com a navegação de Flávio Bisi e do copiloto Fernando Chwaigert.
Na primeira etapa do certame, o trio da Mobil Delvac Salvini Racing teve problemas nos freios do Mercedes-Benz Atego 1725. Já no segundo dia do Rally Espírito Santo, o desempenho foi exemplar, terminando na vitória. “Para a nossa categoria, o percurso teve 74 quilômetros, então, aproveitamos ao máximo para testar o caminhão como um todo e já estabelecer um treinamento com foco no Rally dos Sertões”, contou Chwaigert.
 

Mauro Cassane/MM Editorial

Sem Comentários

Insira um Comentário