Foton inicia construção de sua fábrica no Brasil

Foton inicia construção de sua fábrica no Brasil

foton
Empresa vai investir R$ 320 milhões entre obras da planta e em suas operações comerciais no País.
A Foton Aumark do Brasil, representante exclusiva no País para os caminhões da Beiqi Foton Motors, começa oficialmente hoje a construção de sua unidade industrial para caminhões no Brasil. As obras terão início imediatamente em terreno de 1,5 milhão de metros quadrados que fica no município de Guaíba (RS). Com investimento inicial no complexo industrial de R$ 250 milhões, sendo 50% de recursos próprios, o empreendimento contará com 200 mil metros quadrados de área construída. Aproximadamente R$ 70 milhões adicionais serão destinados às operações de logística, distribuição de peças e desenvolvimento da rede de concessionárias.
Segundo estimativas da empresa, o complexo industrial estará inteiramente pronto no final de 2015. A previsão é começar a produzir os caminhões no primeiro semestre de 2016. Na linha de montagem, a Foton Caminhões produzirá seus veículos leves e médios: 3,5 toneladas, 6,5 toneladas, 8,5 toneladas e 10 toneladas. As primeiras unidades sairão da linha de montagem com um índice de 60% de nacionalização. “Nosso plano é elevar este índice sistematicamente”, destaca Luiz Carlos Mendonça de Barros, presidente da Foton Aumark do Brasil. Em 2017 está previsto o início da produção dos caminhões médios e semipesados de 13, 15 e 17 toneladas.
De acordo com Mendonça de Barros, a escolha do Estado do Rio Grande do Sul, bem como o terreno em Guaíba, obedeceram a critérios técnicos e logísticos. “Guaíba está localizada em uma região estratégica, com fácil acesso ao porto de Rio Grande, próxima a um grande centro industrial com disponibilidade de mão-de-obra qualificada, além da infraestrutura municipal necessária para comportar um projeto do porte de uma fábrica de caminhões. Além disso, o Rio Grande do Sul possui um bom parque industrial local, capaz de suprir algumas necessidades da produção”, explica o executivo.
A fábrica terá capacidade para produzir 21.000 caminhões por ano, em um turno de produção e está dimensionada para atender ao mercado local, exportação para a América do Sul e também para África. “Logicamente esse volume não será atingido nos primeiros anos de produção, uma vez que a Foton Caminhões tem um plano consistente de crescimento em participação de mercado no Brasil, em cada segmento em que atuar”, destaca Orlando Merluzzi, vice-presidente do conselho gestor da empresa.
A nova fábrica vai gerar 150 empregos diretos e 900 indiretos em sua primeira fase, na região de Guaíba. Em um segundo momento, com o esperado crescimento do mercado, o número de colaboradores diretos dobrará. “Esse empreendimento trará muitos benefícios para o município e a Foton Caminhões pretende atuar com intensidade na comunidade local, sendo um exemplo e ambição de trabalho para os jovens da região”, diz Mendonça de Barros.

Mauro Cassane/MM Editorial

 
 
 

Sem Comentários

Insira um Comentário