Primeiro caminhão diesel com injeção direta faz 90 anos

Primeiro caminhão diesel com injeção direta faz 90 anos

MAN (2)

O veículo foi desenvolvido em 1924 na Alemanha, pelos engenheiros Sturm e Wiebicke, e tinha 40 cv de potência.
O ano de 1924 entrou para a história da MAN. Em meados da década de 20, na Alemanha, os engenheiros Sturm e Wiebicke da MAN partiram de Augsburg para a cidade de Nuremberg em um caminhão Saurer da M.A.N. O caminhão plataforma de 4 toneladas era movido por um motor diesel experimental que pela primeira vez injetava combustível diretamente nos quatro cilindros.
Com cerca de 40 cavalos de potência, os pilotos de provas conseguiram completar a viagem de 140 quilômetros em 5 horas e meia. Esta viagem bem sucedida foi o batismo de fogo para a tecnologia que possibilitou a construção de um motor diesel econômico suficientemente compacto para ser usado em veículos automotivos pela primeira vez.
O processo de injeção direta é de fundamental importância, diz Bernd Maierhofer, membro do Conselho Executivo para Pesquisa & Desenvolvimento da MAN Caminhões e Ônibus: “O primeiro MAN diesel com injeção direta representa um marco na tecnologia de motores. Pode-se ver ainda hoje o seu enorme impacto: todos os motores a diesel modernos sejam para carros ou caminhões usam o princípio de injeção direta. A sua versão mais recente é a injeção common-rail. Nós a usamos em todos os motores MAN a diesel, pois ela nos permite controlar de forma eficiente o processo de combustão no cilindro”.
Os primeiros motores experimentais com injeção direta foram construídos em Augsburg, em 1924 e testados com sucesso em um caminhão e um arado motorizado. Esses primeiros motores a diesel com injeção tinham diâmetro interno de 105 mm, produziam entre 35 e 40 cv, e pesavam em torno de 420 kg.
No primeiro semestre, o caminhão teste percorreu 2.500 quilômetros antes de a MAN apresentar a sua inovação no Salão do Automóvel de Berlim, realizado entre os dias 10 e 18 de dezembro de 1924.
mb
Mercedes-Benz vence Prêmio Consumidor Moderno 2014
Empresa ganha na categoria “Caminhões” pelo quinto ano consecutivo.
Graças à qualidade da gestão do relacionamento com os consumidores, a Mercedes-Benz do Brasil conquistou novamente o Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente. Em evento realizado em São Paulo (SP) na semana passada, a Mercedes-Benz foi anunciada como a “Empresa do Ano”, tendo sido eleita também a melhor Central de Relacionamento na categoria “Caminhões”.
O prêmio é fruto de diversas ações realizadas pela Mercedes-Benz do Brasil. Tendo foco em maior agilidade e eficiência, Philipp Schiemer, presidente da empresa, vem liderando grandes avanços na Companhia, como o investimento de R$ 1 bilhão em veículos comerciais para 2014 e 2015, o incremento na nacionalização do caminhão Actros e a introdução do conceito Econfort para o Atego, Axor e Actros, que resulta num patamar ainda mais elevado de economia, conforto, força e desempenho para o transporte de carga.
“Essa nova e brilhante conquista nos mostra que estamos no caminho certo”, disse Ari de Carvalho, diretor de Pós-Venda da Mercedes-Benz do Brasil. “Afinal, desde que passamos a participar dessa premiação sempre fomos vencedores. São cinco anos consecutivos em caminhões, desde que esta categoria foi criada”.
Em 2014, a Mercedes-Benz, mais uma vez, alcançou também o maior destaque dessa premiação nacional: o título de “Empresa do Ano”. Esta conquista, obtida após o levantamento feito com companhias de mais de 60 categorias, atesta o compromisso da Mercedes-Benz com a excelência de seus serviços ao cliente.
“A vitória nesta categoria é ainda mais significativa não só porque ela se baseia em critérios do regulamento do prêmio, mas porque contou com a participação de clientes reais, o que confirma o reconhecimento do consumidor à qualidade da nossa Central de Relacionamento com o Cliente”, afirma Ari. “Isso nos motiva a prestar um atendimento cada vez mais eficiente, ágil e com a qualidade que é um atributo da nossa marca”, acrescenta o executivo. 

Mauro Cassane/MM Editorial

 
 
 

Sem Comentários

Insira um Comentário