Crise Rossa: o pau está comendo na Scuderia Ferrari!

Crise Rossa: o pau está comendo na Scuderia Ferrari!

24721.3

Ihhh, o clima está pesado em quente em Maranello, Itália. Motivo: as péssimas provas nesta fase do Campeonato Mundial de Fórmula 1, temporada 2014. E, quem esbravejou de vez e azedou o clima da Scuderia, foi o pé de cana finlandês Kimi Raikkonen que, quando disputava o GP da Áustria, recebeu a ordem para forçar o ritmo do carro e ultrapassar um de seus adversários em busca de uma classificacção menor. O pé de cana finlandês repondeu na hora:  “Sim, dêem-me mais potência!”.

Raikkonen: o pivô da crise!

Raikkonen: o pivô da crise!


Raikkonen tem enfrentado grandes dificuldades na sua volta a Scuderia Ferrari em 2014, que enfrenta problemas com o atual modelo F14-T. “Kimi reclamou do do motor, mas cabe a equipe dar-lhe um carro com o qual possa mostrar o seu valor”, admitiu Marco Mattiacci, o novo chefe da Ferrari, após a prova austríaca.
Marco Mattiacci e  Pat Fry não se entendem!

Marco Mattiacci e Pat Fry não se entendem!


E tudo indica que o clima está péssimo na equipe de Maranelloo diário esportivo espanhol Marca noticiou que, depois do GP do Canadá, Mattiacci teve uma discussão ríspida o diretor técnico Pat Fry, cujo cargo técnico na Ferrari está em dúvida desde a chegada de James Allison, que lidera o projeto para 2015. Vamos aguardas as cenas dos próximos capítulos de uma novela que apenas começou!

Sem Comentários

Insira um Comentário