Chery é primeira fabricante de carros da China a inaugurar fábrica no Brasil

Chery é primeira fabricante de carros da China a inaugurar fábrica no Brasil

 Reclamacoes-da-Chery.

A Chery Brasil inaugurou suas instalações industriais na cidade de Jacareí, no Vale do Paraíba, São Paulo. O investimento totaliza US$ 530 milhões (mais de R$ 1,2 bilhão), em duas novas fábricas: a de automóveis, que recebeu aporte de US$ 400 milhões, e a de motores, da Acteco, marca pertencente ao grupo Chery, que contou com investimento de US$ 130 milhões.
FABRICA CHERY 1
Mesmo em momento delicado vivido pelo segmento automobilístico nacional, a Chery manteve sua decisão de investir em Jacareí, por considerar o mercado brasileiro prioridade. “A decisão de ter uma unidade industrial nacional foi tomada em 2009, antes mesmo do anúncio do aumento dos 30 pontos percentuais do IPI para carros importados. Desde lá, passamos por uma série de situações, como o anúncio do Inovar-Auto, e o cenário atual do setor continua não influenciando em nossa decisão. A Chery Brasil será o headquarter da Chery na América Latina”, declara Roger Peng, presidente da Chery Brasil.
A aposta e o compromisso da Chery com Brasil podem ser comprovados com o novo investimento já aprovado para a filial brasileira: o país contará com um Centro de Pesquisa & Desenvolvimento, com aporte de R$ 50 milhões. “No futuro, provavelmente a partir de 2018, a Chery terá um automóvel pensado, desenvolvido e produzido especialmente para o mercado brasileiro. O centro de P&D também vai atuar no desenvolvimento de novos modelos para a América Latina”, diz Luis Curi, vice presidente da Chery Brasil.

Luis Curi e Roger Peng: Brasil e China unidos

Luis Curi e Roger Peng: Brasil e China unidos


Construída em um terreno de mais de um milhão de metros quadrados, a fábrica de Jacareí tem uma área construída de 400 mil metros quadrados, onde estão localizadas três unidades produtivas – montagem, soldagem e pintura, além do prédio administrativo e da edificação do restaurante. O complexo da Chery em Jacareí ainda contempla uma pista de testes, que conta com variações diversas de terreno, possibilitando simular as condições mais adversas de solo.
Com recurso 100% próprio, a fábrica é equipada com máquinas de última geração, oriundas da Alemanha, Espanha, Estados Unidos, China, entre outros países. Merecem destaque o maquinário de medição tridimensional, com tecnologia de ponta, e toda a instalação do processo de pintura, totalmente robotizada.
Em setembro, os pré-séries das versões hatch e sedan da nova geração do Celer começarão a ser fabricados. Em dezembro próximo terá início a produção comercial para abastecer a rede de concessionárias da marca, que atualmente conta com 67 revendas.
No primeiro ano de operação, além da nova geração do Celer, está previsto também o novo QQ, totalmente reformulado, que começa a ser produzido no segundo trimestre de 2015. O modelo de entrada da marca passará por uma modificação agressiva em seu layout, além de contar com motor 1.0 flex de três cilindros.
O Chery Celer 000001: o primeiro made in Brasil

O Chery Celer 000001: o primeiro made in Brasil


Em 2016 chega a vez de um terceiro modelo, um utilitário esportivo. Associada ao início da montagem deste modelo está previsto o começo das exportações dos automóveis Chery oriundos de Jacareí. Os três modelos – SUV, QQ e Celer – abastecerão a rede Chery de países como Argentina, Uruguai, Colômbia, Equador, Venezuela e Peru.
 
 

Sem Comentários

Insira um Comentário