FiVE: o centro de realidade virtual para desenvolvimento de veículos

FiVE: o centro de realidade virtual para desenvolvimento de veículos

Ford_LaboratórioFiVE_RealidadeVirtual_SensorMovimento

A Ford incorporou um novo laboratório de realidade virtual de ultra-alta definição à sua estrutura global de desenvolvimento de veículos, que conta com um de seus centros no Brasil. O FiVE (Ford Immersive Vehicle Environment), instalado em Melbourne, na Austrália, recebeu um novo software de realidade virtual de altíssima definição (VRED) e um sistema avançado de detecção de movimentos, similar aos usados na indústria de animação e games.
A rede global de centros de realidade virtual da Ford é composta por dois laboratórios FiVE – um deles em Dearborn, EUA, além do australiano -, ligados aos centros de desenvolvimento na Alemanha, Brasil, China, Índia e México. Só este ano, a tecnologia já foi usada para verificar mais de 150.000 detalhes em mais de 200 protótipos de veículos virtuais construídos nos laboratórios.
O sistema permite que engenheiros e designers de todo o mundo avaliem diferentes propostas de design virtual antes da construção do protótipo físico de um veículo. Suas ferramentas servem para verificar aspectos de praticidade, funcionalidade e estilo, como por exemplo o melhor posicionamento dos controles para o motorista na cabine. A Ford foi uma das primeiras a adotar esse tipo de realidade virtual no processo de desenvolvimento.
 
“Podemos trabalhar de forma virtual no mesmo produto, lado a lado, com pessoas de todo o mundo”, diz Todd Willing, diretor de design da Ford Ásia Pacífico. “Usando as telas de alta definição, os engenheiros e designers dos laboratórios e estúdios de design de várias partes do mundo trabalham juntos para aprimorar todos os aspectos dos veículos Ford.”
Ford_LaboratórioFiVE_RealidadeVirtual (2)
O laboratório, criado em 2012, também teve sua área física ampliada. O novo espaço acomoda um carro virtual completo e permite aos designers examinar e andar em volta dele, como o consumidor faria numa revenda.
O novo software VRED cria um espaço virtual de imersão de ultra-alta definição – quatro vezes superior à resolução de HD. Usando recursos avançados de computação, ele inclui fones de ouvido de alta definição para uma experiência 3D estéreo de baixa latência e cria um mundo virtual com um nível de realismo até então inatingível em laboratório. Conforme o usuário se move no ambiente virtual, pode interagir com o veículo como na vida real.
ford-immersive-vehicle-environment-five-lab-vr
“O laboratório FiVE permite a modelagem virtual com um nível totalmente novo de detalhes. Podemos ver dentro e através da estrutura do veículo para verificar como tudo funciona em conjunto, a partir da arquitetura dos sistemas mecânicos e elétricos”, diz Peter Bunting, gerente de inovação digital da Ford Ásia Pacífico. “Isso permite combinar questões de engenharia e estéticas de forma abrangente.”
O programa de realidade virtual da Ford começou em 2006, em Dearborn, para testar diferentes opções de design, estilo e ergonomia. Ele permite aos designers e engenheiros fazer melhorias nos veículos antes de chegar à fase de construção de protótipos físicos, após o que mesmo pequenos ajustes podem se tornar caros e demorados. Essa abordagem tem aprimorado a qualidade e o estilo dos veículos da linha global Ford e seus resultados podem ser vistos nos projetos que já entraram em produção, como o novo Mustang e o Novo Ka, este último criado no centro de desenvolvimento da marca em Camaçari, na Bahia.
 

Sem Comentários

Insira um Comentário