Manor, ex-Marussia, é multada por não participar do GP da Austrália

Manor, ex-Marussia, é multada por não participar do GP da Austrália

256472F300000578-0-image-a-2_1423665276342
Depois de um “imbroglio” se pode ou não, a Manor, ex-Marussia, começa a pagar caro por não cumprir o que prometeu. Motivo: a não largada no GP da Austrália. E, o baixinho todo poderoso Bernie Ecclestone  mandou aplicar uma multa milionária na Manor: 2,5 milhões de euros (R$ 8,3 milhões), que serão deduzidos no ”prêmio” pelo nono lugar da Marussia na temporada de 2015.
manor_gp_motorsport
E como se isso não bastasse, Ecclestone já fez saber que a equipe britânica vai, também, pagar todos os custos – fretes de material e transporte de avião – normalmente suportados pela FOA (Formula One Association).
“Vamos deduzir a corrida que eles falharam do prêmio. Vão perder uma das 19 corridas e receber a conta da viagem grátis que lhes demos”, garantiu Ecclestone ao ‘The Independent’.  “O dinheiro que eles deveriam receber vai ser dividido entre as equipes que correram na Australia”, finalizou o baixinho.
1288618-27765113-640-360
Um inquérito da Federação Internacional do Automóvel (FIA) concluiu que a Manor não honrou o acordo em participar nas 19 corridas, mas fez “todos os esforços razoáveis” para participar do GP da Austrália corrida. Com Will Stevens e Roberto Merhi como a dupla de pilotos, a Manor garante que vai participar no GP Malásia, este domingo.

Sem Comentários

Insira um Comentário