Teatro: “Abandonados por Você”, uma comédia romântica sobre a  guerra de sexos

Teatro: “Abandonados por Você”, uma comédia romântica sobre a  guerra de sexos

Abandonados_por_Voce_foto2_de_Bruno_Gama
Amanhã, dia 15 de julho chega ao Teatro Folha a comédia romântica “Abandonados por Você”, com texto de Pablo Diego e direção de André Di Paulo e Tiago Pessoa.
Abandonados_por_Voce_foto1_de_Bruno_Gama
Visto por mais de 30 mil pessoas, o espetáculo conta a história de quatro personagens prestes a se casar que ficam presos no elevador. O imprevisto acontece no mesmo dia que esses personagens são abandonados por seus respectivos pretendentes.
Abandonados_por_Voce_foto3_de_Bruno_Gama
Marina tem claustrofobia. Rosana fica estressada. Caco e Dudu se  irritam com as duas mulheres. O socorro foi chamado pelo zelador do prédio, mas a ajuda deve demorar algumas horas.
Abandonados_por_Voce_foto4_de_Bruno_Gama
A crise no elevador se agrava após o aparecimento dos conflitos clássicos entre homens e mulheres, culminando numa guerra de sexos.
Abandonados_por_Voce_foto6_de_Bruno_Gama
Autor do texto do espetáculo, Pablo Diego diz que se inspirou no seriado americano “Friends” para escrever a peça. Ele não esquece a cena do episódio piloto da série que mostra Rachel Green (Jennifer Aniston) de vestido de noiva, abandonando seu casamento, aparecendo desesperada na cafeteria “Central Perk”.
Para atiçar ainda mais os ânimos entre Marina, Rosana, Caco e Dudu, Pablo escolheu um elevador como pano de fundo. “A vida é como uma cabine de elevador que nos leva para cima e para baixo. Assim como do destino, não é possível fugir de dentro dessa cabine. Nessa situação, o único lugar para onde as personagens podem ir é em direção umas das outras”, explica o autor.
Abandonados_por_Voce_foto7_de_Bruno_Gama
Com leveza e humor, a peça aborda o sucesso e o fracasso dos relacionamentos, a partir das perspectivas dos homens e das mulheres.
O diretor Tiago Pessoa diz que “o grande lance da peça é deixar claro que não existe um gênero culpado, apenas diferenças entre o feminino e o masculino”. André Di Paulo, que também dirige a comédia, completa dizendo que “a abordagem das relações humanas gera identificação imediata do público”.
Os diretores
Tiago Pessoa – Ator e diretor, começou seus estudos de arte dramática em 1933 em Salvador, Bahia, no Teatro Solar Boa Vista. Estudou na Escola de Atores Wolf Maya, realizou Oficina de Interpretação para a TV no Artcênicas (Antônio Amâncio), fez curso livre de improvisação no Tablado, workshop de TV com o diretor Flavio Colatero e Wallace Meirelles. Participou de peças “Em Busca do Sucesso” (1994) e “O Golpe do Baú” (1995), ambas com direção de Ricardo Bandeira, “O Mágico de Oz” (2003) com direção de Naja Haja, “Fui…E Quem Não Vai” (2006),  com direção de Cláudio Galvan, “Alice no País das Maravilhas”, “Pinochio”, “Rei Leão” e “Três Possibilidades”, com direção de Marcos Wainberg, “Chá das 5”, com Blota Filho e direção de Eduardo Martini.
Na televisão fez participações em “A Diarista” e nas novelas “Cobras e Lagartos” da Rede Globo e “Amor e Revolução” do SBT. Atualmente dirige as produções infantis da Pessoa Produções.
André Di Paulo – Formado em cursos livres e especializações com atores e diretores, entre eles Jacques Lagoa e Hélio Cícero. Possui mais de 15 peças em seu currículo, entre curtas e propagandas publicitárias. Seus últimos trabalhos como ator foram nas peças “Chá das 5”, dirigida por Eduardo Martini, e “Terceiro Sinal”, dirigida por Zadoque Lopes, onde dividiu o palco com nomes de peso como Rosi Campos e Cassio Scapin. Sua última direção, além de “Abandonados por Você”, foi o infantil “Dinossauros BR”. Atualmente é sócio e coordenador artístico da escola Thymeli – Teatro, Dança e Música.
O elenco
Vivian Nagura – Atriz formada pela escola Macunaíma, participou das peças “Laranja Mecânica”, “A Conferências dos Pássaros”, como a protagonista Poupa, “Querô”, de Plínio Marcos, “O Balcão”, como a protagonista Irma, de Jean Genet, “A Maldição do Vale Negro”, de Caio Fernando de Abreu no Festival de Teatro de São Paulo, “As Troianas”, de Eurípedes, “O Auto da Compadecida”, “Cala a Boca Já Morreu”, “Caroço de Azeitona”, “Mais Um”, uma adaptação do texto de Cássio Pires, “Mulheres S/A”, de Kuka Rodrigues, “Oi Bicho Isto é Urgente, Urgentíssimo!”, de autoria de Jussara Moraes. Também realizou trabalhos para o cinema e a TV e participou do filme para o Ministério da Saúde sobre gravidez na adolescência, do curta-metragem “A Menina e o Espantalho” (2001), e esteve na novela Chiquititas, no Rio de Janeiro e em São Paulo, em 1999 e 2000.
Felix Garcia – Ator formado pelo FAMOSP – Faculdade Mozarteum de São Paulo e SENAC. Participou das peças “As Princesas”, dirigida por Tiago Pessoa, “Chá das 5”, dirigida por Eduardo Martini, “Cinderela”, dirigida por Eduardo Martini, “A Incrível Viagem ao Mundo Escuro”, dirigida por Aliu Coelho (2012 e 2013), “O Patinho Feio”, dirigida por André Di Paulo (2012), “O Poeta e as Andorinhas”, dirigida por Paulo Ribeiro, “O Rei Leão”, dirigida por Fernando Lyra Jr. (2010), “O Mágico de Oz”, dirigida por Fernando Lyra (2010), “Peter Pan”, dirigida por Fernando Lyra (2009), “A Flor da Amazônia”, fruto do Projeto Banco Real (2008), além de diversas participações em publicidade.
Thalyta Medeiros – Atriz formada pela escola de atores Wolf Maya e bailarina formada em ballet clássico e jazz pelo Espaço Dança & Vida. Atuou como professora de jazz e ballet e participou como bailarina em programas de TV tais como: “Jogo da Vida” na Rede Bandeirantes, “Criança Esperança” e “Domingão do Faustão” na Rede Globo, “Alegria Geral” na Rede Gazeta, “Lance Perfeito” na Rede Record e “Programa Amaury Jr.”, na Rede TV. Como atriz participou das peças teatrais “Vila dos Pescadores”, com direção de Odair Gorga, tributo a Dorival Caymmi, “Teatro a Todo Vapor”, dirigido por Marco Antônio Bráz, sainetes de Arthur Azevedo, “Uma Gota de Rancor”, dirigido por Jair Assumpção, “Alertas” – leitura dramática, dirigido por W. Menegare (da CIA Triptal, dirigida por André Garolli), e “A Cigarra e a Formiga”, dirigido por Fernando Lyra. Participou também dos musicais “A Gente se Liga em Você”, um projeto da Rede Globo para a apresentação dos novos planejamentos de 2012, com direção de Ulysses Cruz, Ravel Cabral e Emerson Muzeli, “A Gaiola das Loucas”, dirigido por Miguel Falabella e Cininha de Paula, da Chaim Produções, “Um EnCanto de Natal”, com direção de Sérgio Tadeu e coreografia de Francisco Ribeiro, “O Grande Reciclador”, com direção de Sérgio Tadeu e Francisco Ribeiro, e coreógrafa Carina Angélica, e “80 Anos Kopenhagem”, dirigido por Fernanda Chamma.
Paulo Tardivo – Cursou a Escola de Artes de Atores (INDAC), fazendo as montagens “Enquanto o Não Chega” e “Maldita Parentela”. No teatro profissional estreou em janeiro de 2014 com “Chá das 5”, com Blota Filho e direção de Eduardo Martini.
Ficha Técnica:
Texto: Pablo Diego
Direção: André Di Paulo e Tiago Pessoa
Elenco: Felix Graça, Paulo Tardivo, Thalyta Medeiros e Vivian Nagura
Figurinos: Mara Nascimento
Fotos: Bruno Gama
Criação e arte: Danilo Nagura
Produção: Pessoa Produções
Gênero: Comédia
 
Duração: 70 minutos
Classificação indicativa: 12 anos
 
Serviço:
 
”Abandonados por Você”
Local: Teatro Folha, Shopping Pátio Higienópolis – Av. Higienópolis, 618 / Terraço / tel.: (11) 3823-2323 – Televendas: (11) / 3823 2423 / 3823 2737 / 3823 2323 Site: www.teatrofolha.com.br
Estreia: 15 de julho
Temporada: 27 de agosto
Apresentações: quarta e quinta, 21h
Ingresso: R$40,00 (setor 1) e R$30,00 (setor 2)
*Valores referentes a ingressos inteiros. Meia-entrada disponível em todas as sessões e setores de acordo com a legislação.
 
 

Sem Comentários

Insira um Comentário