Fórmula 1: categoria terá novos donos a partir de 2016

Fórmula 1: categoria terá novos donos a partir de 2016

money
Incrível: a Fórmula 1 pode mudar de mãos ainda este ano. A revelação foi feita pelo todo poderoso, Bernie Ecclestone, adiantando ainda que existem três possíveis interessados. “Os nossos acionistas estão em um momento complicado e precisam de vender uma parte da participação, ou toda, em breve”, revelou o britânico, de 84 anos, durante a conferência internacional Camp Beckenbauer, em Kitzbuehel, na Áustria.
“Tem havido muito interesse e diria que de momento há três interessados e ficaria surpreendido se um deles não avançasse até ao final do ano”, explicou Ecclestone que informa que a CVC Capital, o maior acionista, que está pressionada para vender a sua parte. “É como todos os fundos de investimento, investem o dinheiro dos seus clientes durante um certo período mas depois têm de o devolver. Talvez o reinvistam, talvez não, não sei. Sei que já passaram a data suposta de venda e que prolongaram o prazo por várias vezes”, explicou.
bernie-money-500x334
O fundo de investimentos CVC Capital Partners é o atual maior acionista da Fórmula 1, com 35,5% de participação, enquanto Ecclestone possui 5,3%, mais os 8,5% da holding Bambino que pertence à sua família.
Entre os interessados fala-se que podem ser o consórcio formado pelo fundo Qatari Sports Investments e o milionário norte-americano John Ross (dono da equipe Miami Dolphins), além da Discovery Communications.
 

Sem Comentários

Insira um Comentário