Fórmula 1: Renault, oficialmente, está de volta com equipe própria

Fórmula 1: Renault, oficialmente, está de volta com equipe própria

images
A Renault confirmou a aquisição da Lotus, com o objetivo de retornar à Fórmula 1 como construtor na temporada de 2016.“O Grupo Renault e a Gravity Motorsports (…) formalizaram a finalização da aquisição de uma participação maioritária no capital da Lotus F1 Team Limited”, diz o comunicado da empresa distribuído a imprensa.
Presente na Fórmula 1 quase ininterrupta desde 1977, com uma escuderia ou apenas como fornecedora de motores, a Renault foi campeã do mundo em 2005 e 2006 com o espanhol Fernando Alonso, sob a designação de Renault F1.
Enquanto fornecedora de motores, a Renault conquistou consecutivamente quatro títulos de construtores e outros tantos de pilotos, entre 2010 e 2013, com a Red Bull Racing e o alemão Sebastian Vettel.
Terminado o negócio, os 480 funcionários de Enstone correm agora contra o tempo para o desenvolvimento do carro de 2016.Quanto a pilotos tudo aponta para que se sejam Pastor Maldonado e Jolyon Palmer, contudo Carlos Ghosn, presidente da Renault, já fez uma ressalva que poderá haver novidades.
 

Sem Comentários

Insira um Comentário