Serviço: 10 dicas para comprar um carro blindado

Serviço: 10 dicas para comprar um carro blindado

teste-balistico

Em 2016, mesmo em um cenário desfavorável para o segmento automotivo a procura por veículos blindados deve continuar em alta, com crescimento de 20%. Esta é a perspectiva da Steel Blindagens, uma das empresas blindadoras do Brasil, que em 2015 registrou crescimento de 20%.

 

“A procura por um veículo com proteção balística seguirá crescendo assim como a busca por manutenção em modelos seminovos já blindados pois há uma combinação de dois fatores; redução dos custos que tornou a blindagem acessível para a classe média e o crescimento da violência urbana”, avalia Antonio Donato Jr, diretor da Steel Blindagens.

 

Em 2015 a queda nas vendas de veículos novos chegou a 25,6% em relação a 2014, de acordo com os dados divulgados pela Fenabrave nesta semana. No entanto, segmentos específicos como autopeças e blindagem, seguiram crescendo.

 

“Um carro blindado com a proteção devida, além de uma manutenção preventiva adequada, não perde seu valor como antigamente, e a alta procura mantém a rotatividade desses veículos no mercado de usados, e comprá-los requer cuidados bastante simples”, alerta o executivo que resume as 10 dicas para aquisição de um carro blindado usado:

 

⦁          Veja se o carro tem além da documentação em dia, os documentos da empresa blindadora responsável pela blindagem e se ela está regularizada, conforme as leis vigentes, inclusive com autorização emitida pelo Exército Brasileiro original.

 

⦁          Verifique se no Certificado de registro de veículo (CRLV) consta a informação “modificado blindagem”. Se não constar, o veículo é considerado ilegal pelas autoridades e pode inclusive ser apreendido até a regularização do documento.

 

⦁          Peça um laudo técnico da blindagem em data recente, onde são verificadas as condições da blindagem e as partes internas que poderão causar problemas eventualmente; Todas as blindadoras devidamente certificadas podem emitir este laudo.

 

⦁          Procure comprar um modelo com câmbio automático, para não correr o risco de o carro morrer em uma possível fuga. Na hora de testar o veículo antes da compra, verifique se o câmbio faz as trocas de marcha corretamente sem trancos ou barulhos;

 

⦁          Os vidros elétricos devem ser testados cuidadosamente, pois com a blindagem eles ficam mais pesados. Verifique se os vidros estão em boa aparência, sem trincas ou delaminação (bolhas esbranquiçadas);

 

⦁          Abra os vidros e ouça o trabalho da suspensão do veículo em movimento, pois ela é a que mais sofre com todo esse peso;

 

⦁          Verifique se os pneus não tem bolhas ou marcas de reparo e se eles estão em boas condições. As rodas de carros blindados recebem uma cinta metálica que proteção que permite a fuga do local de um possível ataque, mesmo com o pneu furado, verifique se existe esse equipamento;

 

⦁          Verifique o alinhamento de toda a carroceria, portas, capô e tampa do porta malas que devem fechar

perfeitamente, também se o travamento das portas estão funcionando e nenhuma porta ou tampa ficará aberta após o sistema acionado;

 

⦁          Verifique ainda se o ar condicionado está funcionando em perfeitas condições, pois o ideal para um carro blindado é que circule sempre com os vidros fechados;

 

⦁          Por fim, verifique em um centro automotivo de sua preferência as condições do carro como quilometragem e também o estado mecânico e se todos os itens opcionais estão em pleno funcionamento

Sem Comentários

Insira um Comentário