Avaliação: o bom, confiável e honesto Novo Renault Fluence

Avaliação: o bom, confiável e honesto Novo Renault Fluence

1

Aquelas rodinhas de jornalistas especializados, que falam apenas de automóveis, uma afirmação foi uníssona: “O Renault Fluence é um carro honesto!”,. Pois bem, e o por que o modelo ainda não decolou nas vendas? O Fluence desembarcou aqui no Brasil em 2011 e, até o momento, foram comercializadas cerca de milhares de unidades. Mas isso é pouco para um mercado dominado pelos fabricantes nipônicos como Honda e Toyota e que tem opções como a Ford, Nissan, Chevrolet. E o que fazer para vender mais e se colocar num posição de estaque nesse competitivo mercado dos sedãs médios?

2

A resposta da Renault foi remodelar seu sedã médio com o novo DNA da marca – visto nos novos Logan e Sandero – embarcar o modelo de tecnologia e oferecer um preço muito competitivo desde sua versão. Este é o segredo da geração 2015 do Novo Fluence, um carro que se tornou mais atrativo do que era com mais charme e luxuosidade.

3

Vamos começar pelo design: as novidades externas do Novo Fluence logo são notadas com a nova frente, que agora segue a nova identidade de design global da marca. O modelo traz novo para choque dianteiro e, de série, luzes LED-DRL (Day Running Light), que dão muita personalidade ao modelo. Na traseira, as lanternas da versão Privilège são novas e equipadas com luzes de LED. O conjunto ganha identidade, principalmente à noite, quando as luzes são acionadas.

4

O modelo ainda é contemplado com rodas aro 16 polegadas na versão Dynamique e 17 polegadas na versão Privilège, com exclusivo desenho para cada uma das versões, dando um toque de esportividade.

Novo_Renault_ Fluence 2015_04

No interior, as novidades do Novo Fluence estão o novo sistema multimídia R-Link, com tela maior, de 7 polegadas, com recurso multitoque semelhante aos smartphones e comando de voz para efetuar chamadas telefônicas; o ISOFIX, sistema de fixação de cadeirinhas infantis no banco traseiro; luzes LED na traseira e nos indicadores de setas nos retrovisores. A chave utiliza o Walk away closing: basta o motorista se afastar do veículo com a chave no bolso que ocorre o travamento das portas e o recolhimento automático dos retrovisores. A função é exclusiva do Novo Fluence no segmento e está disponível na versão Privilège. O sistema de ar-condicionado é digital.

Novo_Renault_Fluence2015_Privilege_ interior_ painel

No capítulo motorização, o Novo Renault Fluence é equipado com o já reconhecido prazer ao dirigir é proporcionado pelo motor 2.0 16V Hi-Flex, com duplo comando de válvulas no cabeçote. São duas opções de câmbio: 6 marchas manual, para quem não abre mão da esportividade, e o câmbio CVT X-Tronic, que proporciona uma troca de marchas com suavidade, sem trancos, e ainda contribui para a economia de combustível. Tal motor desempenha 143 cv (etanol) / 140 cv (gasolina) a 6.000 rpm, com um dos maiores torques do segmento 20,30 kgfm (etanol) / 19,90 kgfm (gasolina) a 3.750 rpm.

Novo_Renault_Fluence 2015_motor 20 16V HiFlex_013

O Novo Fluence está disponível em quatro versões: Dynamique, Dynamique CVT, Dynamique CVT Plus e Privilège, com preços variando entre R$ 77.890 a R$ .440. A versão disponível para o teste drive – cerca de 200 quilômetro entre São Paulo é distrito bucólico de Joaquim Egídio, Campinas – foi a Privilegé. a topo de gama.  As novidades são os faróis de xênon e o teto solar, que agora são itens de série. O modelo também ganhou luzes LED nas setas integradas dos retrovisores, exclusivas desta versão e rodas aro 17 polegadas. Outra novidade desta versão é a câmera de ré, que permite visualizar as imagens quando acionada, diretamente na tela do R- Link.

_KEN3399

Durante o teste drive, realizado entre estrada e trechos urbanos, o Novo Fluence realmente mostrou para que veio: veículo muito confortável, com toques de luxo e muito requinte. O motor não decepciona e o sistema do câmbio CVT é melhor ainda. Freios, quando solicitados, mostram-se extremamente seguros e muito confiáveis. O rodar e macio e sistema de isolamento da cabine muito bom .Se compraria? Fácil!

 

Fotos: Divulção/Renault

 

Sem Comentários

Insira um Comentário