Fórmula 1: Ecclestone diz que categoria não precisa do GP da Itália

Fórmula 1: Ecclestone diz que categoria não precisa do GP da Itália

gp-italia2

Mais uma do baixinho carrancudo! O big boss da Fórmula 1 Bernie Ecclestone voltou a colocar em dúvida a continuidade do GP da Itália na Fórmula 1. O problema é o mesmo de sempre: as elevadas taxas que o Autódromo de Monza tem de pagar para ter a Fórmula 1.

12_circuito_italia_1

Imola e Mugello são as alternativas, mas, até ao momento, nenhum dos dois mostrou-se interessado em negociar com o presidente da Fórmula One Management (FOM). Para aumentar a pressão, Ecclestone revelou que Las Vegas tem contrato para voltar a fazer parte do circo. Atualmente, a Fórmula 1 vai para a sua temporada mais longa, com 21 provas, número considerado limite pelas equipes.

F1-Bernie-Ecclestone-640x480-Getty

“Monza tem contrato para este ano, então será realizado, mas a questão é o próximo ano”, explica Ecclestone. “Não acho que precisamos de ter um GP da Itália”, bufou. Ecclestone comparou ainda a saída da Itália com o GP da França. “Alguém disse-me uma vez algo engraçado, que não podíamos ter Fórmula 1 sem uma corrida na França, mas nós temos”, lembrou.

 

Sem Comentários

Insira um Comentário