Scuderia Ferrari é a equipe mais bem paga da Fórmula 1

Scuderia Ferrari é a equipe mais bem paga da Fórmula 1

Scuderia-Ferrari-Logo1

A Scuderia Ferrari vai receber da Formula One Management (FOM) a soma voluptuosa de 169 milhões de euros (R$ 710 milhões), mais 19 milhões que a Mercedes, campeã de 2015. A razão? O peso histórico dos italianos.

Os números explicam de que forma é dividido o dinheiro na Fórmula 1. As receitas são oriundas das taxas dos circuitos, direitos de midia e outros, como patrocínios nos circuitos e outras empresas.

Embora tenha ficado em segundo lugar no Mundial de Construtores, a Ferrari é quem mais recebe, com 169 milhões de euros, dos quais 61,5 milhões representam um bónus “histórico”, já que é a única formação que se mantém desde a criação da Fórmula 1.

Os valores entregues pela FOM a cada uma das equipes:
Ferrari: 168,7 milhões (+17% face a 2015)
Mercedes: 150,3 milhões (+36%)
Red Bull: 126,5 milhões (-7%)
Williams: 76,4 milhões (-6%)
McLaren: 72 milhões (-16%)
Force India: 58,8 milhões (+12%)
Renault: 56,2 milhões (+28%)
Toro Rosso: 50 milhões (+8%)
Sauber: 47,4 milhões (+23%)
Manor: 41,3 milhões

 

Sem Comentários

Insira um Comentário