MotoGP: Casey Stoner diz não à Ducati e ao GP da Áustria

MotoGP: Casey Stoner diz não à Ducati e ao GP da Áustria

StonerReturn

Casey Stoner recusou o convite da Ducati para retornar à MotoGP como “wildcard” no GP da Áustria no domingo, Dia dos Pais. O convite surgiu depois dos excelentes resultados do piloto australiano, bicampeão de MotoGP, nos últimos testes de MotoGP na Áustria, no passado mês de julho, nos quais Stoner rodou sempre entre os mais rápidos.

Segundo a Gazzetta dello Sport, a Ducati pediu uma entrada “wildcard” para Stoner correr no domingo, mas o australiano rejeitou o convite. Desta forma será Michele Pirro que vai correr ao lado de Andrea Iannone e Andrea Dovizioso em Spielberg.

casey-stoner-regresa-ducati-2016-201524418_2

A decisão, contudo, não surpreende Davide Tardozzi, diretor do projeto MotoGP da Ducati. “A decisão não me surpreendeu, tendo em conta aquilo que eu tenho conhecido dele ao longo destes últimos meses”, afirmou Tardozzi. “Se ele tivesse escolhido correr, podia lutar pelo pódio. E digo qualquer lugar do pódio”, garante. “Se ele nos pedisse para correr, teríamos aceite o seu pedido, obviamente. Mas ele sempre pareceu relutante com a perspectiva de regressar”, acrescentou.

 

Sem Comentários

Insira um Comentário