Tecnologia: Ford explica como desenvolve seus carros

Tecnologia: Ford explica como desenvolve seus carros

roupa-de-empatia-terceira-idade

Todas as etapas envolvidas na criação e desenvolvimento de novos carros globais, desde o esboço até o produto final, foram mostradas no Ford Design Feeling, evento realizado no Espaço do Bosque, em São Paulo. A iniciativa também trouxe experiências interativas inéditas e exibição dos modelos Ranger, Fusion e Edge.

No espaço foram montadas quatro estações mostrando as fases do desenvolvimento dos automóveis. A primeira tratava das pesquisas junto a consumidores de diferentes perfis. Retratada no espaço por meio de cartazes, em tamanho real, de personagens fictícios, esta primeira fase do desenvolvimento tem como objetivo suprir a premissa de todo novo produto: criar carros para atender os desejos e necessidades de pessoas.

No segundo ambiente do Ford Design Feeling, batizado de Inspirações, designers apresentaram as tendências de onde extraem ideias para as novas criações. “São peças de arte, arquitetura, tecnologia, comportamento vestuário e acessórios. É um mundo de informações que absorvemos e a partir das quais damos vazão à criatividade”, afirma Adília Afonso, supervisora de Design da Ford América do Sul.

Ford Driving Skills for Life introduces a Drugged Driving Suit to its 2016 U.S. curriculum; new suit designed to stress lessons on the dangers of driving while impaired.

A terceira estação, chamada Criação, revelou o processo de geração das ideias. Por meio de croquis, rabiscos e uma impressora 3D, que imprime pequenas peças desenhadas em computador, foi possível ver os primeiros esboços do que será o novo produto, incluindo a modelagem de um protótipo em argila, feita por um designer.

Na última estação, Experiência do Usuário, a Ford apresentou, pela primeira vez no Brasil, os trajes desenvolvidos em seus centros de pesquisas na Europa e nos Estados Unidos que simulam os efeitos da gravidez, da terceira idade, da embriaguez e de drogas para expor as dificuldades e limitações de mobilidade destes motoristas.

Essas roupas foram criadas para permitir aos designers e engenheiros da Ford realizar testes e entender as necessidades das futuras mães e pessoas idosas, gerando conhecimento para aumentar o conforto e a segurança dos veículos desde a concepção do seu projeto.

Sem Comentários

Insira um Comentário

0Shares