Fórmula 1: Wolff manda recado a Hamilton “sou o Mourinho da Mercedes”

Fórmula 1: Wolff manda recado a Hamilton “sou o Mourinho da Mercedes”

directeur-executif-ecurie-mercedes-amg

Toto Wolff, o todo poderoso diretor esportivo da Mercedes, respondeu os recentes comentários de Lewis Hamilton sobre a equipe deixando um recado sobre quem toma as decisões. Toto usou como exemplo o futebol explicando que técnicos como José Mourinho ou Pepe Guardiola não ouvem reclamações de seu comandados. O recado foi para seu piloto Lewis Hamilton que criticou severamente a equipe pelos últimos fracassos nas provas disputadas.

Hamilton mostrou desconfiança em relação a confiabilidade de seu carro que anda falhando neste derradeiro momento da disputa pelo campeonato em detrimento ao seu companheiro de equipe Nico Rosberg.  Em entrevista ao canal Sky Sports F1, Hamilton falou que não tem certeza que seu carro esteja no nível do de Rosberg.

Toto diz quem manda na equipe para Hamilton

Toto diz quem manda na equipe para Hamilton

Ao diário britânico Daily Mail, o inglês criticou a decisão da Mercedes de trocar os mecânicos dos dois pilotos no início da temporada desfazendo a equipe que tinha trabalhado com Hamilton para o seu título de campeão em 2015. “Para o piloto tem um efeito psicológico porque algo muda quando, na realidade, não existe necessidade de mudar a estrutura de um time vitorioso, disse Hamilton ao jornal inglês.

Wolff rebateu as críticas usando o futebol como exemplo para se afirmar como líder da equipe. “Compreendo perfeitamente o Lewis. Em qualquer esporte de equipe pode haver efeitos psicológicos dependentes das pessoas com quem se trabalha. Mas nenhum boleiro diria ao Mourinho ou  Guardiola com quem gostaria de jogar em seu time”, disse Wolf marcando uma posição: “É uma decisão do treinador decidir a escalação de uma equipe.”

Sem Comentários

Insira um Comentário