Turismo: dicas para curtir, brinacr e se divertir no Carnaval sem gastar muito

Turismo: dicas para curtir, brinacr e se divertir no Carnaval sem gastar muito

Carnaval é sempre assim: destinos caros, pouco dinheiro com as contas do início do ano, vontade de sair, brincar, curtir… Mas qual a melhor alternativa para quem gosta de uma viagem e não quer desembolsar muito? Com menos de um mês para o início do Carnaval, quem deixou de planejar a viagem do feriado está preocupado com os altos preços, comuns nesta época do ano. Pensando nisso, Patrick Nogueira, CEO da startup PassagensAéreas.com.br, listou quatro dicas para quem quer aproveitar a folia. Vamos a elas:
Fuja dos destinos tradicionais

As tradicionais festas do país podem apresentar preços de passagens aéreas até 266% mais caros em comparação com São Paulo. “As festas de rua estão ganhando espaço no país. Muitas cidades que tinham baixa procura, hoje, oferecem programação diversificada, se tornando uma opção”, conta Nogueira.

Varie os horários de busca

Não existe um horário certo para promoções, elas ocorrem nos mais variados horários. Por isso, Nogueira indica que o monitoramento seja constante. ”No site, realizamos as buscas em nosso sistema 24 horas por dia. No momento em que as promoções surgem, postamos em nossas principais plataformas. Por isso, é preciso ficar alerta”.

Alterne as datas

Apesar do Carnaval garantir quatro dias de folia, alguns destinos, como Salvador, apresentam uma economia de até 25% quando alteradas as datas de ida e volta. “A maioria das pessoas planeja sua ida para sexta-feira e retorno para quarta-feira, mas se trocar as datas, é possível economizar”, explica o CEO.

Conheça bem o destino

Algumas promoções de passagens aéreas podem ser atrativas, porém, é preciso saber quais são as opções de hospedagem oferecidas. “Mesmo as passagens sendo o item mais caro da viagem, alguns destinos nesta época estão com lotação na maioria dos hoteis. Então, para garantir a economia, é preciso pesquisar bem”, explica Nogueira.

 

Sem Comentários

Insira um Comentário

0Shares