Avaliação: Renault Stepway agora com novo motor 1.6 SCe

Avaliação: Renault Stepway agora com novo motor 1.6 SCe

A Renault, no fim do mês de novembro, lançou sua nova família de motores; os novos motores 1.0 SCe (Smart Control Efficiency) para a linha Sandero e Logan e 1.6 SCe para Sandero, Logan, Duster e Duster Oroch. Desenvolvidos pela Renault Tecnologia Américas (RTA) e produzidos no Complexo Ayrton Senna, no Paraná, os novos motores se destacam pelo baixo consumo, maior desempenho e prazer ao dirigir. SuperTopMotor avaliou o Sandero Stepway 1.6 SCe para conferir a novidade.

Segundo a Renault, tal “know-how” foi adquirido nas pistas da Fórmula 1, categoria na qual a marca já conquistou 12 títulos mundiais, para garantir a máxima eficiência de seus novos motores. Das pistas, veio a tecnologia ESM (Energy Smart Management) e a bomba de óleo com vazão variável, que reduzem o consumo de combustível. Outra novidade é a adoção da direção eletro-hidráulica em todas as versões, que melhora o consumo e aumenta e representa uma evolução em matéria de conforto.

Um pouco de história: o Sandero nasceu em 2008 como um modelo 100% desenvolvido aqui na América do Sul. Na verdade é o irmão hatch do Logan, modelo global da marca para os mercados em desenvolvimento. O Stepway é versão aventureira da linha e tem como principais concorrentes os VW Crossfox, Hyundai HB20X  e Chevrolet Onyx Active.

Renault Sandero 2008: design 100% latino americano

Visualmente, o carro ganha uma série de apliques, um interior diferenciado e uma suspensão mais elevada. Outro detalhe importante, é que não existe versão básica do Stepway. O modelo sai sempre completo. O visual externo do Sandero Stepway chama a atenção, sugerindo um estilo visual de “SUV”. Na dianteira, o para-choque exclusivo desta versão sugere força pelos detalhes em preto e na parte inferior com o acabamento em tom prata. Os faróis com máscara negra, juntamente com os faróis de neblina, completam o conjunto.

Nas laterais, os contornos dos para-lamas dianteiros e traseiros, ligados pela saia lateral também em preto, transmitem robustez e personalidade. Outro destaque da lateral são as novas rodas de liga-leve, sempre de 16 polegadas. Na traseira, além do para-choque com parte inferior em preto e acabamento em prata, se destacam as lanternas com máscara negra e os refletores no para-choque. As barras do teto com o acabamento em duas tonalidades completam o visual aventureiro.

Já no interior as diferenças são os novos bancos, mais confortáveis e anatômicos, com detalhes de estilo nas costuras. A cor laranja no acabamento interno confere um toque sutil e especial, com destaque para as saídas de ar laterais e o painel de instrumentos, que também tem contornos com preto brilhante. Outro detalhe na cor laranja e que chama a atenção é a inscrição “Stepway” no raio inferior do volante. O painel central todo em preto brilhante também contribui para o visual sofisticado do modelo. Assim como os novos Logan e Sandero, o design da nova versão Stepway foi desenvolvido com a participação do Renault Design América Latina (RDAL).

O destaque do motor 1.6 SCe é o maior desempenho e o prazer ao dirigir. A potência máxima de Sandero Stepway saltou de 106 cv para 118 cv, com etanol, um ganho de 11,3%. Com gasolina, a potência saltou de 98 cv para 115 cv, um aumento de 17,3%. O torque também é maior no novo motor: 16,0 kgfm, seja com gasolina ou etanol.

O duplo comandos de válvulas variável na admissão garante maior torque desde as baixas rotações e também proporciona maior prazer ao dirigir. Os números de performance do novo motor 1.6 SC são excelentes. O Sandero, por exemplo, acelera de 0 a 100 km/h em 10,3 segundos (ganho de 3,7s em relação ao antigo motor). A retomada de 60 – 100km/h está quase 4 segundos mais ágil (9,2s).

Outra novidade é a adoção da direção eletro-hidráulica. Para o motorista, isso representa uma direção ainda mais leve e um menor esforço na hora de realizar manobras. A direção com esforço variável ainda se ajusta de acordo com a velocidade, ficando mais pesada em altas velocidades e proporcionando maior segurança. Como nesse sistema a bomba da direção passa a ser acionada por um motor elétrico à parte, e não pelo motor do carro, evita-se a perda de potência e se reduz em até 3% o consumo de combustível.

O sistema Stop&Start é outra novidade: desliga o motor automaticamente quando o veículo para em semáforo/congestionamento. E religa automaticamente quando o motorista começa a pressionar o pedal da embreagem, economizando até 5% de combustível. O sistema pode ser ativado/desativado conforme a necessidade do motorista por meio de um botão à esquerda do volante.


Para potencializar o comportamento econômico, os modelos equipados com o Media NAV 2.0 trazem as funções Eco-Coaching, que avalia a condução do motorista ao final de um percurso, levando em conta o momento certo para a troca de marchas, a regularidade da velocidade, o consumo e a quilometragem percorrida; e o Eco-Scoring, que orienta o condutor para dirigir de modo mais econômico.

Mas e como é andar no Renault Sandero Stepway 1.6 SCe? O novo motor realmente mostrou ser o mais trunfo: fôlego e um excelente autonomia – média urbano este sempre acima dos 8,2 km/l, com 100% de etanol. Espaço interno de sobra onde os passageiros se sentem muito bem.

O sistema de câmbio com a nova motorização “conversam” perfeitamente garantindo um rodar suave. Seu sistema de freio também garantem segurança para quem dirige. Realmente surpreendeu tornando-se uma excelente opção de compra. O preço inicial é de R$ 59.720, na versão avaliada com cãmbio manual de cinco velocidades.
 

Sem Comentários

Insira um Comentário