O que mudou no primeiro ano da Zona Azul Digital

O que mudou no primeiro ano da Zona Azul Digital

Prestes a completar um ano da implementação da Zona Azul Digital na cidade de São Paulo, que aboliu a utilização do antigo talão impresso para estacionar em vias públicas, o app Zul Digital inova ao lançar o pagamento via cartão de débito, facilitando o acesso aos motoristas que não têm cartão de crédito.

“É uma expressiva vantagem competitiva. Até então, quem não tinha cartão de crédito, só podia fazer o pagamento por meio de transferência ou boleto bancário. Entretanto, essas operações não eram imediatas, o que não resolvia a vida de quem estava na rua, precisando estacionar naquele momento”, declara André Brunetta, ceo da Zul Digital. A princípio, a opção de débito está disponível para as bandeiras Santander, Banco do Brasil, Itaú e Bradesco.

O Zul Digital foi lançado em janeiro deste ano e já está entre os três maiores players do segmento (Dados da CET), com quase 300 mil usuários ativos. “A nossa meta é chegar a 700 mil downloads do App até o final deste ano, principalmente com a novidade exclusiva de pagamento com cartão de débito dentro do App”, declara Brunetta.

O executivo destaca ainda que o aplicativo é o primeiro a aparecer nos resultados de busca pelo termo “Zona Azul”, tanto na App Store quanto na Play Store, o que mostra sua relevância. Hoje só lidera a lista quem é bem avaliado e tem alto índice de engajamento e de interações na plataforma. “Focamos desde o início em entregar a melhor experiência possível para nossos usuários. As plataformas iOS e Android possuem perfis de usuários distintos, que precisam ser respeitados; sendo assim, optamos por desenvolver o Zul com recursos nativos de cada sistema, o que faz muita diferença na usabilidade final. Além disso, fazemos atualizações frequentes, sempre em resposta às demandas do nosso público”, explica o executivo.

Outro dado interessante é que o Zul é o único aplicativo de Zona Azul com suporte ao Apple Watch, isso quer dizer, por exemplo, que é possível saber pelo relógio que o tempo do estacionamento está se esgotando e que é preciso comprar mais crédito, realizando a operação pelo próprio dispositivo da Apple.

Brunetta ainda respondeu mais duas perguntas:

André Brunetta

O que mudou neste um ano?

Durante os primeiros meses após o lançamento da Zona Azul Digital, ainda em julho de 2016, existiam poucos aplicativos prestando o serviço de venda do cartão azul digital.

Com o passar do tempo, surgiram novas empresas que se viram com o desafio de se destacar entre os Apps já existentes. É o caso do Zul Digital, que desde o início focou em entregar a melhor experiência de uso possível para seus usuários, com o objetivo claro de conquistar market share rapidamente e se consolidar como referência de inovação entre os Apps.

É possível notar que ao longo dos últimos meses foram implementadas melhorias constantes nos aplicativos, além da inclusão de novos meios de pagamento. Aplicativos como o Zul já perceberam que não se pode mais limitar o pagamento com cartão de crédito, então passou a oferecer opções alternativas de pagamento, como débito e boleto.

Como se trata de um ambiente digital, onde a tecnologia é o maior diferencial, a visão do Zul é que o aprimoramento do serviço deve acontecer de forma constante e rápida, para permitir a chegada de cada vez mais usuários, de maneira sustentável e com cada vez menos falhas.

A partir do momento que existem aplicativos que levantam essa bandeira de inovação e qualidade, é natural que todo o ecossistema será aprimorado.

Quais as vantagens para o usuário?

Principalmente comodidade e segurança. Enquanto antigamente era necessário sempre andar com um “folhinha” reserva no porta luvas do carro, ou precisar pagar um valor mais alto ao flanelinha, agora o motorista consegue fazer a compra do cartão digital de onde ele estiver, pelo celular, com poucos cliques.

Além disso, não é mais necessário retornar ao veículo quando o tempo estiver próximo de expirar. Ao receber o aviso de que o cartão está acabando, é possível fazer a renovação do tempo mesmo remotamente.

O pagamento também é facilitado: através do Zul o usuário poderá pagar como melhor lhe convier: seja por cartão de crédito, ou mesmo débito e boleto bancário.

Para baixar o aplicativo digite: https://www.zuldigital.com.br/install

 

 

 

 

 

Sem Comentários

Insira um Comentário