Serviço: como entender e falar a língua dos leilões de veículos

Serviço: como entender e falar a língua dos leilões de veículos

Comprar veículos em leilões tem se tornado uma atividade cada vez mais comum – e lucrativa também. Trata-se de veículos com valores abaixo do que é praticado no mercado e em bom estado de conservação. Mas nem todo mundo conhece os jargões específicos do mundo dos leilões – e alguns termos podem confundir quem não está acostumado.

Não vai ser o seu caso. Confira abaixo alguns dos termos mais usados nos leilões. Assim você poderá fazer seus lances muito bem informado e com todas as possibilidades de realizar ótimos negócios.

  • Arrematante: Pessoa física ou jurídica que compra um bem ofertado no leilão.
  • Comitente: Vendedor, quem está disponibilizando o bem para ser leiloado.
  • Leiloeiro: É a pessoa responsável por conduzir o leilão. O leiloeiro precisa estar registrado na junta comercial do Estado em que acontece o leilão.
  • Edital ou catálogo:Apresenta as informações sobre os lotes ofertados e as condições do leilão. (Além de entender a linguagem utilizada em leilões, é de extrema importância que o comprador se atente a todas as informações do edital.)
  • Lance:Valor oferecido pelo comprador para adquirir o produto leiloado.
  • Lance inicial: Valor inicial de venda definido pelo leiloeiro, com base na avaliação do produto.
  • Lance mínimo: Valor mínimo que o comprador poderá oferecer pelo bem.
  • Lance condicional: Quando um interessado no produto faz um lance menor do que o valor estimado de venda; por esse motivo, o lance está sujeito à aprovação do comitente.
  • Venda condicional: Consequência da aprovação de um lance condicional.
  • Incremento: Valor acrescentado nos lances para que se chegue ao valor final estimado pelo comitente.
  • Lote: Conjunto formado por um ou mais bens que serão leiloados.
  • Pregão: Anúncio do bem oferecido. Abre-se o pregão quando o leiloeiro inicia o ato de venda.
  • Taxa administrativa: Valor pré-definido pelo leiloeiro para cobertura de despesas administrativas.
  • Comissão do leiloeiro: Porcentagem de ganho definido pelo leiloeiro, ou seja, é o lucro do leiloeiro.
Sem Comentários

Insira um Comentário