Avaliação: BMW F800 R – razão ou emoção?

Avaliação: BMW F800 R – razão ou emoção?

Escrito por: 

04/10/2015

Avaliamos a BMW F800 R e vamos contar tudo que descobrimos sobre ela, inclusive sobre o olhar do personagem da vez: Augusto Pinto, 52 anos, chefe de cozinha e proprietário do restaurante Goa Vegetariano no bairro de Pinheiros (São Paulo/SP) desde 2004. Quando o assunto é transito, ele usa sua Yamaha MT-03 de 660cc.

2

Augusto, amigo de tempos, mencionou que gostaria de trocar sua MT-03 e estava de olho na marca inglesa Triumph. Quando soube da BMW F800 R, se alistou para o recruta da vez imediatamente.

9

“Acho que vou mudar meu estilo de moto, estou pensando numa Triumph Bonneville T100” disse Augusto. Isso, antes de andar na BMW F800 R. Será que continuará pensando em mudar de estilo ou vai acabar mudando só de marca?

8

Combinei com Augusto em seu restaurante. Ele chegou e já cresceu o olho na BMW F800 R, com esta cor deslumbrante que só a fabricante alemã consegue harmonizar tão bem, inclusive as próprias cores da marca: azul, branco e preto.

5

Apresentei a moto e ele que já estava ansioso por sair acelerando logo. Ansiedade atendida, capacete na cabeça e lá vai Augusto, para sua experiência a bordo desta máquina.

7

Na volta foi falando tudo aceleradamente: “Gostei bastante da moto e fiquei impressionado com a relação peso x potencia. A moto é leve e com forte torque, respondeu bem ao meu comando” disse Augusto.

A sensação de andar com esta moto pelas ruas é fácil de explicar, ela simplesmente chama atenção por onde passa. São só elogios, unanimidade, todos gostaram!

1

Realmente a moto é bem leve e com torque incrível. Seu motor bicilíndrico de 798cc pede esticadas e mostra que mesmo depois de encurtadas as primeiras duas marchas, ela ainda tem um “gargalo” em baixa rotação. Somando meu peso ao da moto, ficamos com aproximadamente 250kg, com esse motor de 91cv e 8.77 kgm.f de torque, me senti abraçado a um míssil disparado, mas quando recebi um peso adicional de 95kg – o Joka Finardi, editor de Super Top Motor –  na garupa, a condução mudou muito, favorecendo a pilotagem. Agora eu sentia a moto no chão e pude acelerar de forma mais prazerosa.

6

Seu chassi é formado por quadro de dupla viga de alumínio fundido. Câmbio de seis marchas e transmissão final por corrente. O conforto transmitido pela suspensão dianteira é satisfatório para o modelo que conta com garfo telescópio invertido e amortecedor de direção. Sobre os freios nem preciso dizer que são eficientes, é da famosa grife italiana Brembo, duplo na dianteira e simples na traseira, com ABS. O que ajuda bastante são as medidas dos pneus, na dianteira 120 70 e 180 55 ZR17 na traseira.

3

Para o conforto do piloto e principalmente do garupa quando existente, o banco possui dimensões compatíveis  e confortáveis. O escapamento poderia ser menos inconveniente e mais embutido. A ventoinha do radiador liga constantemente para ajudar a resfriar o motor e isso é a parte mais incomoda da moto, principalmente quando parado em semáforo, que fica como um ventilador de calor sobre a perna.

10

Percebemos muito mais coisas boas que ruins nessa BMWF800 R. Agora resta saber se quem compra essa moto, usa a razão ou a emoção? Nós da Super Top Motor já reservamos um espaço especial na garagem e seria exatamente nesta cor e com grande emoção! O valor deste sonho é de R$ 33.900 (preço São Paulo)+frete. Pilote com atenção as leis de transito e respeite o próximo.

Texto: Flávio Verna

Fotos: Flávio Verna e divulgação

Sem Comentários

Insira um Comentário

0Shares