Mitsubishi também demite Carlos Goshn por suposta sonegação de impostos

Mitsubishi também demite Carlos Goshn por suposta sonegação de impostos

Renault é a única empresa da Aliança que ainda não demitiu executivo

Caiu a casa de vez! A Mitsubishi Motors anunciou que o conselho de administração demitiu Carlos Ghosn da presidência o executivo acompanhando a decisão da Nissan na semana passada, pelo suposto caso de sonegação de impostos.

A notícia foi dada pela agência Reuters citando comunicado da emprsa nipônica informando que “Ghosn perdeu a confiança da Nissan sendo assim difícil para ele cumprir as suas funções”. A Nissan tem 34% da Mitsubishi e tem dois executivos num conselho de administração que decidiu afastamento de Ghosn por unanimidade, segundo relata a agência.

O cargo de presidente da Mitsubishi vai ser temporariamente ocupado por Osamu Masuko. Carlos Ghosn mantém-se como presidente da Renault, o terceiro parceiro desta aliança franco-japonesa que começou há 19 anos.

Sem Comentários

Insira um Comentário