Saiba como trocar o pneu sozinho

Saiba como trocar o pneu sozinho

Dicas simples para facilitar tua vida

Xiii, furou o pneu no meio da estrada? Não dá para chamar o serviço de assistência do seguro? Então você mesmo vai ter de se virar com a troca. É fácil. Basta seguir as orientações do CESVI.

  • Pare o veículo em um lugar plano e seguro. Se possível, leve o veículo para um posto de gasolina ou um lugar livre de ameaças externas. Você não quer ser atropelado nem assaltado enquanto faz a troca.
  • Coloque o triângulo de sinalização na via.
  • Caso o veículo tenha câmbio manual, deixe-o engrenado em ordem de marcha e com o freio de mão puxado. Se tiver câmbio automático, deixe o câmbio na letra “P” (Parking) e também com o freio de mão acionado.
  • Retire o estepe. A maioria dos veículos tem o estepe na parte traseira – pode ser na parte de dentro ou na parte externa. Alguns são fixados na carroceria por um sistema de parafuso estilo “borboleta”, outros necessitam da própria chave de roda para soltá-los da carroceria.
  • Retire todos os acessórios que serão usados na substituição do pneu – macaco, chave de roda, chave-segredo, entre outros – para não ter de ficar indo e voltando para o porta-malas caso precise de mais uma ferramenta. Uma dica importante é deixar a roda deitada, para não correr o risco de vê-la rodando para a via.
  • Com o veículo ainda no chão, solte os parafusos da roda a ser substituída. Assim o próprio peso do veículo o ajuda a fazer com que a roda não gire.
  • Coloque o macaco na posição indicada na soleira do veículo e comece a içar o automóvel.
  • Retire todos os parafusos de fixação e depois retire a roda.
  • Coloque o estepe no lugar da roda e aperte os parafusos.
  • Abaixe o macaco lentamente e o retire do veículo
  • Guarde as ferramentas utilizadas juntamente com o pneu furado. Não se esqueça do triângulo de sinalização.

Vale ressaltar que não ter um estepe ou não mantê-lo em condições de uso é infração grave segundo o Código de Trânsito Brasileiro e pode resultar na retenção do veículo.

Sem Comentários

Insira um Comentário

0Shares