Segurança: airbags salvam vidas

Segurança: airbags salvam vidas

Um guia sobre este importante sistema de segurança

Como é de teu conhecimento, os airbags são bolsas de ar que se expandem em milissegundos, um “piscar de olhos” (300 km/h), como forma de oferecer maior proteção aos ocupantes do veículo em casos de colisões.

Sensores instalados em pontos estratégicos identificam as deformações que ocorrem na estrutura do veículo durante a colisão e determinam o acionamento das bolsas. Existem vários tipos de airbags: frontais, laterais, de joelhos e “cortina”.

A partir de 2014 os airbags frontais localizados no volante e no painel em frente ao passageiro dianteiro passarão a equipar obrigatoriamente os carros fabricados no Brasil.

É imprescindível a utilização do cinto de segurança em veículos equipados com airbag. O cinto é o dispositivo de retenção mais eficaz na prevenção de lesões aos ocupantes do veículo e, principalmente no caso de veículos equipados com airbag, age para adequar o contato do ocupante com a bolsa em momento ideal, ou seja, quando está totalmente inflada.

Se o contato do ocupante com o airbag ocorrer prematuramente ante a falta do cinto, ao incorreto posicionamento dos ocupantes do veículo como apoiar os pés no painel dianteiro, há grandes chances de ferimentos graves.

Chances de sobrevivência do condutor de automóveis em acidentes potencialmente fatais[1]:

Acidentes potencialmente fatais:
Dispositivo Chance de sobrevivência
Somente airbag 12%
Somente o cinto de segurança 45%
Cinto de segurança e airbag 51%

 Fique atento:

  • Utilize o cinto de segurança de maneira correta;
  • Condutor deve se posicionar à 25 cm do volante. Passageiro dianteiro à 40 cm do painel;
  • Não transporte criança no banco dianteiro;
  • Não apoie os pés sobre o painel;

[1] National Highway Traffic Safety Administration – NHTSA (Sixth Report to Congress Effectiveness of Occupant Protection Systems and Their Use. 2001).

 

Sem Comentários

Insira um Comentário