Seguarança: últimos resultados do Latin NCAP

Seguarança: últimos resultados do Latin NCAP

Seat completa a frota de cinco estrelas enquanto o New Renault Duster renova as quatro estrelas

Segurança em primeiro lugar: os resultados da oitava rodada de 2019 do Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe, Latin NCAP, foram apresentados hoje com um modelo SEAT atingindo cinco estrelas e dois Latin NCAP Advanced Awards e a nova versão do popular Renault Duster renovando as quatro estrelas para adultos.

O recém-lançado SEAT Tarraco, produzido na Alemanha, alcançou confortavelmente a classificação mais alta para proteção de ocupantes adultos e proteção de ocupantes crianças e também recebeu dois Latin NCAP Advanced Awards para proteção de pedestres e Frenagem Autônoma de Emergência (AEB). A nova SUV da SEAT, equipada com sete airbags como padrão: três frontais, dois laterais para o corpo e dois de cortina e Controle Eletrônico de Estabilidade, alcançou um sólido resultado de cinco estrelas para adultos e cinco estrelas para proteção infantil, com uma estrutura estável. Durante o teste de impacto lateral a porta da frente se abriu, o que gerou a redução de um ponto na pontuação total; porém, alcançou, de qualquer forma, confortavelmente as cinco estrelas. Não é esperado que a porta do veículo seja aberta durante o impacto lateral em um modelo aprovado no teste de Regulamento UN95 de impacto lateral das Nações Unidas. A proteção do ocupante criança foi boa, com proteção limitada no peito do dummy de três anos que poderia ser otimizada se o sistema de retenção para crianças de três anos fosse colocado voltado para trás. O Tarraco oferece proteção para pedestres como padrão e de acordo com os Regulamentos das Nações Unidas, obtendo o Latin NCAP Advanced Award por esse recurso. O modelo ganhou um segundo Advanced Award pela disponibilidade opcional do AEB.

O Renault New Duster, fabricado na Romênia, Brasil e Colômbia, alcançou quatro estrelas na Proteção de Ocupantes Adultos e três estrelas na Proteção de Ocupantes Infantis. A nova versão do popular modelo Renault oferece como equipamento padrão dois airbags frontais e ESC. A estrutura foi considerada instável durante o impacto frontal e não conseguiu suportar cargas maiores. No impacto lateral, a estrutura sofreu uma alta penetração, o que não é esperado em uma nova versão de um modelo. Ambas as cabeças dos dummies infantis tiveram contato com o interior do veículo durante o impacto, o que aumenta a probabilidade de ferimentos. O New Duster oferece ancoragens ISOFIX e Top Tether como padrão nas duas posições traseiras externas e também oferece Lembrete de Cinto de Segurança (SBR) nos dois bancos dianteiros. O dummy de três anos foi instalado com ancoragens ISOFIX e Top Tether, enquanto o dummy de 18 meses foi instalado olhando para trás usando o cinto de segurança do adulto. O New Duster oferece a possibilidade de desconectar o airbag do passageiro manualmente. O New Duster foi testado na versão romena, importada principalmente para o Chile. As versões fabricadas na América Latina serão auditadas assim que estiverem disponíveis e serão publicadas.

O Latin NCAP recomenda que os consumidores da região comprem apenas veículos que ofereçam ESC.

Alejandro Furas, Secretário Geral do Latin NCAP, disse:
“Os bons resultados estão incentivando os consumidores latino-americanos a exigir maior segurança. Esperava-se um melhor desempenho de segurança no New Duster e um equipamento de segurança igual ao do Dacia Duster na Europa, que oferece airbags laterais para o corpo e airbags para a cabeça, como padrão, entre outros recursos de segurança.

Informar os consumidores muda o mercado de veículos mais seguros voluntariamente, sem atritos políticos desnecessários e mais rápido do que o esperado. Mas, para conseguir isso, os consumidores devem ter informações de segurança claras e independentes, como as classificações por estrelas do Latin NCAP, que é a única que avalia veículos na região. Incentivamos os governos da América Latina e do Caribe a impulsionar e apoiar informações independentes para o consumidor sobre segurança de veículos, seguindo as recomendações da ONU sobre os NCAPs. O Latin NCAP mostrou que são possíveis mudanças testando alguns modelos vendidos na região. Com o apoio e o compromisso dos governos, por exemplo, ao incentivar e estabelecer requisitos obrigatórios de rotulagem com classificações por estrelas, a segurança dos veículos pode melhorar muito rapidamente e muitas vidas podem ser salvas em um curto período de tempo.”

Ricardo Morales, Presidente da Comissão Diretiva do Latin NCAP, disse:
“O Latin NCAP continua demonstrando a importância e o poder das informações para o consumidor. É muito importante ver como vários fabricantes estão preocupados em trazer ao mercado modelos que estão bem acima do exigido pelos governos em referência aos regulamentos de veículos. Isso se deve à pressão que os consumidores estão exercendo no mercado da região. Durante esses anos, eles trabalharam perto dos governos, infelizmente sem o efeito esperado. Está na hora de os governos da região emitirem sinais claros e assumirem compromissos reais com veículos mais seguros, para atacar seriamente esse problema que afeta nossos países”.

Sem Comentários

Insira um Comentário