BYD Apresenta Nova Tecnologia Híbrida DM-i e Novo Motor Xiaoyun 1.5L

BYD Apresenta Nova Tecnologia Híbrida DM-i e Novo Motor Xiaoyun 1.5L

O novo motor híbrido plug-in permite uma eficiência térmica de freio líder mundial de 43%

Em 13 de novembro, a BYD lançou a tecnologia híbrida DM-i juntamente com o anúncio oficial da versão de alta eficiência do motor 1.5L Xiaoyun para veículos híbridos plug-in. Como líder em veículos elétricos, os anúncios destacam a liderança da BYD em segmentar estrategicamente suas tecnologias híbridas plug-in. Depois de definir novos padrões de desempenho para veículos híbridos plug-in com a tecnologia DM-p, a BYD continua a abrir novos caminhos com o DM-i, desta vez priorizando o consumo de combustível ultraeficiente.

O novo motor híbrido plug-in de 1.5L altamente eficiente é especificamente construído para a tecnologia híbrida DM-i. Com uma eficiência térmica de reio de 43%, ele se destaca como o motor a gasolina com maior eficiência térmica do mundo em produção. A imensa eficiência de combustível do motor atende facilmente aos mais novos padrões de emissões nacionais da China, ao mesmo tempo que fornece uma experiência de direção distintamente suave e silenciosa.

No recente plano de desenvolvimento da indústria de veículos elétricos do governo chinês (2021-2035), os veículos elétricos devem representar 20% das vendas totais de veículos novos na China até 2025. Entre eles, o caminho para os veículos híbridos plug-in mostra um potencial imenso.

Ao alavancar sua estratégia de plataforma dupla, as tecnologias híbridas de modo duplo (DM) da BYD – o DM-p e o DM-i – aumentam ainda mais a competitividade dos veículos híbridos plug-in em relação aos veículos de combustível tradicionais.

A plataforma DM-p, com foco no desempenho excepcional, fornece uma potência que supera os carros grandes a combustível. Isso atraiu o interesse de grupos de consumidores que se preocupam fortemente com a proteção ambiental e estilos de vida sustentáveis, ao mesmo tempo que mantêm grandes expectativas para experiências de direção.

Os novos modelos com a tecnologia híbrida DM-i terão uma ampla gama de melhorias, incluindo maiores reduções no consumo de combustível, aceleração mais rápida, viagens mais suaves e silenciosas e energia elétrica mais ecológica. Quando comparados aos carros movidos a combustível tradicionais, os veículos equipados com a tecnologia híbrida DM-i se destacam como produtos superiores, com o aprimoramento das experiências de direção, sendo menos dependentes de combustíveis fósseis. Além disso, os preços dos modelos com a tecnologia híbrida DM-i são semelhantes ao custo (impostos e taxas incluídas) de veículos movidos a combustível do mesmo tipo vindos de fora da China. Isso está posicionado para ser uma mudança significativa na competição entre os veículos híbridos plug-in e os veículos de combustível, impactando as percepções do consumidor e do mercado dos veículos elétricos.

Eric Li, vice-gerente geral de vendas de automóveis da BYD, disse: “A BYD sempre insistiu na autossuficiência para construir sua tecnologia principal. Com nossas vantagens em novas tecnologias de energia, alcançamos grandes avanços em várias áreas principais. O DM-i híbrido irá acelerar rigorosamente a substituição de carros de combustível tradicionais por veículos de energia nova”.

Alimentando a ultra-alta eficiência térmica do Xiaoyun está uma infinidade de recursos técnicos inovadores, permitindo que ele atinja seus 43% de eficiência térmica de Freio se consagrando como líder mundial.

O Xiaoyun possui uma taxa de compressão ultra-alta (CR) de 15,5, uma razão B / S aumentada, um ciclo de Atkinson para maior eficiência de combustão, um sistema de recirculação de gases de escape (EGR), uma série de medidas de redução de atrito e um sistema de controle do motor que é otimizado exclusivamente para proporcionar alta eficiência térmica.

Além disso, o motor Xiaoyun aproveita ao máximo a eletrificação dos modelos híbridos plug-in, eletrificando os acessórios e removendo o sistema de acionamento dos acessórios do motor dianteiro tradicional, reduzindo ainda mais o desgaste e melhorando a eficiência.

Pela primeira vez, a BYD implementou a tecnologia de refrigeração dividida para um motor. Por meio de medições de temperatura sob demanda do cabeçote do cilindro e do bloco do cilindro, isso permite um resfriamento preciso necessário para que o motor Xiaoyun alcance as temperaturas ideais de funcionamento. Ao mitigar as perdas de aquecimento, isso encurta o tempo de aquecimento do motor após uma partida a frio em 15-20%, reduzindo o consumo de combustível e as emissões de carbono durante o processo.

Para melhorar drasticamente o desempenho de ruído, vibração e aspereza, o motor tem projetos especialmente otimizados para o virabrequim, como também para rolamentos, bloco de cilindro, coletor de admissão, cárter de óleo, tampa de distribuição, tampa da cabeça do cilindro e outros componentes do plug-in sistema híbrido.

Sem Comentários

Insira um Comentário