F1: Pietro Fittipaldi estreia na Haas no GP de Sakhir

F1: Pietro Fittipaldi estreia na Haas no GP de Sakhir

Pietro será o primeiro brasileiro a disputar um GP na F1 após aposentadoria de Felipe Massa da categoria em 2017 e o quarto integrante da família Fittipaldi a disputar um GP

O jovem piloto brasileiro Pietro Fittipaldi fará sua estreia na F1 com a Haas no Grande Prêmio de Sakhir, neste próximo domingo, dia 6 de dezembro, substituindo Romain Grosjean. O piloto francês se recupera de forte acidente ontem no GP e, por conta de lesões nas mãos, não poderá competir na 16ª etapa do Mundial de F1, que também será sediada no Circuito Internacional do Bahrein.

Fittipaldi participou da maioria dos eventos da F1 em 2020 como piloto reserva e de testes. Aos 24 anos, o brasileiro tem no currículo o título da World Series Formula V8 3.5 conquistado em 2017, disputou provas na Indy em 2018, fez a temporada completa da DTM em 2019 e é neto de Emerson Fittipaldi, bicampeão mundial de F1 e duas vezes vencedor das 500 Milhas de Indianápolis.

Pietro testou anteriormente os carros VF-18 e VF-19 da Haas nas temporadas 2018 e 2019, respectivamente nas pistas de Abu Dhabi, Barcelona e justamente no Bahrein. Os treinos livres desta sexta-feira vão marcar a estreia de Fittipaldi com o modelo VF-20, carro da atual temporada.

“Depois que foi decidido que a melhor coisa para Romain (Grosjean) era ficar de fora por pelo menos uma corrida, a escolha de colocar o Pietro (Fittipaldi) no carro foi bem fácil. Pietro vai pilotar o VF20 e ele está familiarizado com o fato de estar conosco na equipe nas últimas duas temporadas como piloto reserva e de testes. É a coisa certa a fazer e é, obviamente, uma boa oportunidade para ele. Ele tem sido paciente e sempre foi preparado para esta oportunidade – e agora ela chegou. É por isso que o queremos no carro e tenho certeza que ele fará um bom trabalho. É muito exigente ser chamado no último minuto, mas, como eu disse, é a coisa certa a ser feita pela Haas”, afirmou o chefe da equipe Guenther Steiner.

Pietro Fittipaldi comentou sua estreia na F1. “Primeiramente, estou muito feliz pelo fato de que o Romain (Grosjean) está seguro e se recuperando muito bem. Estamos todos bem aliviados e mais tranquilos por seus ferimentos serem relativamente menores depois de um incidente tão grande. Obviamente, não é um conjunto ideal de circunstâncias para ter minha primeira oportunidade de competir na Fórmula 1, mas sou extremamente grato a Gene Haas e ao Guenther Steiner, que tiveram fé em me colocar para pilotar neste fim de semana”, diz Pietro.

“Tenho trabalhado diretamente com a equipe nesta temporada, tanto auxiliando o trabalho feito na pista quanto nas sessões de treinos de simulador, então estou familiarizado com a operação da equipe e procedimentos em um final de semana de GP. Vai ser emocionante começar minha primeira corrida na Fórmula 1 – darei o meu máximo e estou ansioso para começar os treinos livres na sexta-feira aqui no Bahrein”, completa o brasileiro.

A 16ª etapa da F1 2020 será o Grande Prêmio de Sakhir, utilizando um layout diferente, o do traçado externo de 3,5 km do Circuito Internacional do Bahrein pela primeira vez. Os treinos livres começam nesta sexta-feira, o classificatório será no sábado e a corrida está programada para este domingo às 14h10 (horário de Brasília).

Sem Comentários

Insira um Comentário