Desgaste de componentes de borracha na suspensão

Desgaste de componentes de borracha na suspensão

Coxins, buchas, batentes e coifas estão entre os itens que devem ser checados no momento da manutenção

Além dos pneus, diversos outros componentes do veículo são feitos de borracha e merecem especial atenção na hora da manutenção para que seja garantido o máximo de desempenho do automóvel e segurança no trânsito. “No sistema de suspensão, os coxins, itens fundamentais para amenizar as vibrações do motor, suportar impactos do chassi e outros, são confeccionados em borracha, sofrem fadiga e podem se romper”, comenta Jair Silva, gerente de qualidade e serviços da Nakata, explicando que: “Ruídos provenientes da parte inferior do carro e vibrações no câmbio podem ser sinais de comprometimento dos coxins”.

Buchas, além de absorver impactos, também evitam o atrito de ferro com ferro na suspensão. Podem ocasionar, além de ruídos, folgas na fixação. O mesmo acontece com os coxins dos amortecedores que tem a função de  isolar a carroceria das vibrações e ruídos oriundos das imperfeições do solo.

Outra peça, embora não seja de borracha na grande maioria dos carros, importante no sistema de suspensão e que deve estar sempre boas condições é o batente. “O componente ajuda a absorver impactos e diminui as batidas de final de curso das molas, contribuindo para sua maior durabilidade”, ressalta.

A coifa da junta homocinética também produzida em borracha pode ser danificada com o tempo de uso. “Graxa nas rodas e no para-lama pode ser indício de que a coifa rasgou”, alerta. Segundo o gerente, quando deteriorada pode comprometer toda a junta homocinética, provocando prejuízo bem maior ao motorista. Por isso, é importante analisar seu estado na hora da revisão já que a junta homocinética é responsável por transmitir a força gerada no motor para as rodas, sendo essencial para o veículo se locomover. Danificada, o carro para.

A recomendação é ficar atento aos ruídos vindos da parte inferior do veículo e sempre checar, periodicamente, itens feitos de borracha, pois podem ressecar, rasgar e ter pequenas fissuras. É fundamental manter as peças de borracha do carro sempre em bom estado de conservação e o funcionamento adequado do veículo. “Realize a substituição sempre que necessário”, conclui.

Sem Comentários

Insira um Comentário