Como funciona o sistema de arrefecimento veicular

Como funciona o sistema de arrefecimento veicular

Falhas nos componentes podem causar prejuízos e exigem manutenção preventiva adequada

O sistema de arrefecimento do motor é de extrema importância. É ele o responsável por controlar e manter a temperatura ideal de um veículo, impedindo o derretimento de componentes e mantendo o bom funcionamento do automóvel.

A função dele é fundamental, pois o motor esquenta muito com as explosões da queima do combustível. Com isso, o sistema de arrefecimento conserva o propulsor frio o necessário para que as peças não derretam, e também não frio em excesso para não atrapalhar o funcionamento do veículo. Entre os componentes que compõem o sistema de arrefecimento, estão: tubos de refrigeração, válvula de expansão termostática, termo interruptor, flanges e conectores.

Um dos principais problemas é a falta de cuidado ou perda do líquido de arrefecimento que podem prejudicar o funcionamento dos periféricos do sistema. É importante realizar a troca preventiva do fluido e abastecer o sistema com o aditivo, conforme a recomendação do fabricante.

Alguns componentes podem causar mais problemas em relação aos outros do sistema, como a válvula termostática, que tem a função de controlar o fluxo do líquido de arrefecimento dentro do motor. Em um diagnóstico, verifique durante o aquecimento do motor se há diferença de temperatura entre as mangueiras de entrada e saída. As mangueiras devem apresentar as mesmas temperaturas após a abertura da válvula. Tanto as mangueiras como as abraçadeiras necessitam de atenção especial, observando a perda de flexibilidade ou microtrincas e crostas internas, para realizar a troca.

Problemas no sistema de arrefecimento podem causar grandes prejuízos, por isso é importante orientar o cliente para procurar a oficina se observar qualquer anormalidade. E para fornecer produtos do sistema de arrefecimento, a DPK, distribuidora de autopeças, tornou-se parceira da Valclei, empresa especialista em soluções para sistemas de arrefecimento. Serão vendidos plugs eletrônicos, válvulas termostáticas, tubos de refrigeração, sensores de temperatura, flanges e conectores.

“A Valclei é uma marca presente e muito bem aceita em todo o varejo. Temos a certeza de que essa parceria veio para somar e enriquecer nosso portfólio. Alcançaremos uma parcela do mercado que ainda não era atendida pelos atuais fornecedores”, declara Armando Diniz, Diretor da DPK.

Para a Valclei, essa parceria fortalece a agilidade para a reposição de peças no mercado brasileiro. “É muito gratificante estar no grupo DPK, iniciar assim a distribuição dos nossos produtos pelo Brasil com sintonia e força”, complementa Rodrigo Manzini, gerente comercial da Valclei.

Sem Comentários

Insira um Comentário