As estreias da semana do Cinema #EmCasaComSesc

As estreias da semana do Cinema #EmCasaComSesc

Clássico nacional vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes, “Pagador de Promessas”, de Anselmo Duarte; o ucraniano “A Gangue”, vencedor do Grande Prêmio da Crítica no Festival de Cannes em 2014,  e o inédito português “Surdina” de Rodrigo Areias, com roteiro do escritor Valter Hugo Mãe, são as principais atrações

Único longa-metragem brasileiro a vencer a Palma de Ouro, mais importante prêmio do Festival de Cannes, “O Pagador de Promessas”, de Anselmo Duarte, chega à plataforma Sesc Digital na próxima quinta-feira, dia 13 de maio, no Cinema #EmCasaComSesc. Baseado na peça teatral homônima de Dias Gomes, a produção de 1962 é um drama sobre a peregrinação de um homem e sua esposa para cumprir uma promessa. O filme também foi o primeiro da América do Sul a ser indicado para o Oscar de Melhor Filme estrangeiro, em 1963.

Também com uma conquista no Festival de Cannes de 2014, com o Grande Prêmio da Semana da Crítica, entra no catálogo do streaming o ucraniano A Gangue, de Myroslav Slaboshpytskyi. Sem narração ou legendas, o filme foi rodado em linguagem de sinais e conta a história de um jovem surdo-mudo que ao entrar em um internato passa a integrar uma rede de crime e prostituição, e uma paixão pode acabar com todo o respeito que ele conquista com o tempo e a coragem.

Outro destaque da semana é o longa português “Surdina”, de Rodrigo Areias, que assina o roteiro com o premiado escritor conterrâneo Valter Hugo Mãe. Inédito no Brasil, o filme propõe uma reflexão sobre o amor e os sonhos em idade avançada, quando pouco se almeja da vida e o corpo já aponta sinais de enfraquecimento.  Para assistir, acesse sescsp.org.br/cinemaemcasa.

Segue na série Cinema #EmCasaComSesc, até dia 15 de maio, o especial Pedro Almodóvar com quatro longas-metragens emblemáticos de sua carreira:  “Maus Hábitos”, “Mulheres À Beira De Um Ataque de Nervos”, “A Flor Do Meu Segredo” e “Carne Trêmula”.  O público também encontra na plataforma alguns clássicos exibidos ao longo da história do Festival Sesc Melhores Filmes, que neste ano chegou à 47ª edição:  “Meu Tio da América” (1980), de Alain Resnais, “Segredos e Mentiras” (1996), de Mike Leigh, e “A Vida dos Outros” (2006), de Florian Henckel von Donnersmarck, exibidos no 47º Festival Sesc Melhores do Ano, “Cléo das 5 às 7” (1962), de Agnès Varda, e “Um Só Pecado” (1964), de François Truffaut.

Programação Cinema #EmCasaComSesc – semana de 13 de maio

A partir de 13 de maio

A GANGUE

Dir. Myroslav Slaboshpytskyi | Ucrânia | 2014 | 132 min | Ficção | 18 anos
Sergey, um jovem surdo-mudo, começa a estudar num internato especializado que abriga secretamente uma rede de crime e prostituição entre seus estudantes, “a tribo”. Neste novo ambiente, ele é forçado a aceitar as duras regras da gangue e participa de vários assaltos, o que lhe garante o respeito dos colegas. Quando ele conhece Anna, uma das amantes do líder da gangue, ele acaba quebrando uma das regras veladas da tribo. Um filme rodado em linguagem de sinais e sem narração ou legendas, já que o amor e o ódio não precisam de tradução. Vencedor da Semana da Crítica do Festival de Cannes.

O PAGADOR DE PROMESSAS
Dir. Anselmo Duarte | Brasil | 1962 | 92 min | Ficção | 10 anos

Para cumprir uma promessa a Santa Bárbara, Zé-do-Burro carrega uma cruz nas costas de sua casa no sertão até a Igreja de Santa Bárbara, em Salvador. Rosa, sua esposa, o acompanha nesta caminhada de sete léguas. Como parte da promessa, ele havia dividido seu sítio no interior com os sitiantes mais pobres da região. A caminhada com a cruz até Salvador seria a segunda parte da promessa. Vencedor da Palma de Ouro do Festival de Cannes e indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

SURDINA
Dir. Rodrigo Areias | Portugal | 2019| 79 min | Ficção | 14 anos

Num espaço rural, um velho homem recebe a notícia de que a sua falecida mulher foi vista a fazer compras na feira. Revoltado, pretende esconder-se de todos, despeitado e triste, mas os seus amigos insistem para que não dê ouvidos ao povo e aproveite tal facto para se fortalecer e, quem sabe, casar-se de novo. Esta é uma história da delicadeza de se ser velho, do que resta ainda para sonhar e para amar quando a idade avança significativamente e o corpo se enfraquece. Roteiro de Rodrigo Areias e do premiado escritor português Valter Hugo Mãe.

Especial PEDRO ALMODÓVAR –  – Até 19  de maio

A FLOR DO MEU SEGREDO
Dir. Pedro Almodóvar | Espanha, França | 103 min | 35mm | cor | 1995

Leo Macias escreve romances populares usando seu pseudônimo Amanda Gris. Sua própria vida romântica é instável, já que seu marido nunca está em casa. Ela quer escrever histórias mais sombrias, mas seu contrato permite que a editora a force a incluir finais felizes. Passando por uma crise de meia-idade, Leo reavalia as relações com sua mãe, sua irmã, sua melhor amiga e também com sua empregada, que é dançarina de flamenco. Sua vida muda ao conhecer Ángel, um editor de jornal que admira sua obra. Com Marisa Paredes, Juan Echanove, Carme Elías, Rossy de Palma e Chus Lampreave. Classificação indicativa: 14 anos.

CARNE TRÊMULA
Dir. Pedro Almodóvar | Espanha, França | 103 min | 35mm | cor | 1997

Na véspera de Natal de 1970 em Madri, com a Espanha em estado de emergência ordenado por Franco, uma jovem prostituta dá a luz a um menino chamado Víctor dentro de um ônibus. Vinte anos depois, Víctor está saindo com uma viciada chamada Elena. Uma noite, no meio de uma briga violenta, dois policiais, Sancho e David, chegam ao local. Em meio a uma disputa, David leva um tiro e fica paraplégico. Dez anos depois, Víctor sai da prisão e David, que se casou com Elena, é agora um jogador de basquete em cadeira de rodas. Mas Víctor quer seduzir Elena de volta e provar sua inocência. Adaptado do romance de Ruth Rendell. Com Javier Bardem, Francesca Neri, Liberto Rabal, Angela Molina, Jose Sancho e Penélope Cruz. Classificação indicativa: 18 anos.

MAUS HÁBITOS
Dir. Pedro Almodóvar | Espanha | 114 min | 35mm | cor | 1984

Yolanda, uma cantora de boate, foge da polícia após seu namorado morrer de uma overdose. Ela busca refúgio num convento que oferece abrigo e redenção para mulheres desamparadas. Morando lá, ela se torna amiga de várias freiras incomuns: uma autora de romances baratos que escreve usando um pseudônimo, uma estilista de moda que se apaixona por um padre, uma cozinheira masoquista consumida por pensamentos de penitência e uma defensora de animais que cria um enorme tigre de estimação. Com Cristina Sánchez Pascual, Julieta Serrano, Marisa Paredes, Carmen Maura, Chus Lampreave e Cecilia Roth. Classificação indicativa: 14 anos.

MULHERES À BEIRA DE UM ATAQUE DE NERVOS
Dir. Pedro Almodóvar | Espanha | 90 min | 35mm | cor | 1988

Um olhar ácido e divertido sobre o amor moderno através das relações de várias mulheres. Pepa Marcos, uma atriz de televisão, está deprimida por ter sido abandonada por seu amante, Iván. Ele está prestes a viajar e pediu que Pepa prepare sua mala para que alguém a pegue mais tarde, mas ela tem algo muito importante para contar para ele. Carlos, o filho de Iván, e Lucía, sua ex-namorada louca, não sabem onde ele está. O caminho de todos começa a se cruzar numa confusão que envolve uma busca por terroristas xiitas, uma dose letal de gaspacho e um taxista que adora mambo. Mas será que Pepa conseguirá encontrar Iván a tempo? Com Carmen Maura, Antonio Banderas, Julieta Serrano, María Barranco e Rossy de Palma. Classificação indicativa 14 anos.

Clássicos Festival Sesc Melhores Filmes – até 05 de junho

UM SÓ PECADO
Dir.: François Truffaut | França | 1964 | 117 min | Ficção | 14 anos

Numa viagem a Lisboa, conhecido editor torna-se amante de uma bela aeromoça. Ele é casado e vive seu romance até o dia em que sua mulher descobre tudo.

CLÉO DAS 5 ÀS 7
Dir.: Agnès Varda | França, Itália | 1962 | 90 min | Ficção | 14 anos

Em Paris, a cantora Cléo faz um exame para descobrir se está com câncer. O resultado sai em duas horas, então ela decide andar pelas ruas da cidade enquanto aguarda. Com dúvidas sobre como agir diante da doença, a bela acaba cruzando com Antoine, um jovem militar que está prestes a partir

MEU TIO DA AMÉRICA
Dir.: Alain Resnais | França | 1980 | 125 min | Ficção | 14 anos

Os destinos cruzados de três personagens sob o olhar de uma quarta cobaia: o biólogo Henri Laborit, que explica sua própria teoria sobre como o ambiente interfere na formação da personalidade dos humanos. Grande Prêmio do Júri e da Crítica no Festival de Cannes.

SEGREDOS E MENTIRAS
Dir.: Mike Leigh | Reino Unido, França | 1996 | 136 min | Ficção | 16 anos

Hortense é uma optometrista negra bem-sucedida cujos pais adotivos morreram. Ela fica surpresa quando descobre que sua mãe biológica é Cynthia, uma operária branca de classe baixa.

A VIDA DOS OUTROS
Dir.: Florian Henckel von Donnersmarck | Alemanha, França | 2006 | 137 min | Ficção | 12 anos

Nos anos 80, o Ministro da Cultura da Alemanha Oriental se interessa por Christa, um atriz que namora um famoso dramaturgo. Suspeitos de infidelidade ao comunismo, são vigiados por um capitão do serviço secreto, que fica fascinado pelas suas vidas. Vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Sem Comentários

Insira um Comentário